Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(386)Você está em:
  • Home »
    • Câmara em ação
      • » Tópicos

Tópicos

Selecione datas para filtrar: a OK
Comentário — Resultados da reunião de cúpula Japão-EUA 13/02/2017

Neste Comentário, o jornalista Masayo Nakajima, da NHK World, analisa resultados das negociações entre o primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, e o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

“Antes do encontro, o Japão preocupava-se com declarações feitas por Trump sobre o câmbio, comércio exterior de veículos e os custos da presença militar americana no país. No entanto, nenhuma exigência específica foi feita a respeito dessas questões. Além disso, autoridades dos Estados Unidos confirmaram que abrange as Ilhas Senkaku, no Mar da China Oriental, a obrigação de defender o Japão nos termos do tratado de segurança nipo-americano. O Japão controla as ilhas. O governo sustenta que elas são parte inerente do território japonês. A China e Taiwan reivindicam a sua soberania.

Autoridades japonesas acreditam que as duas nações foram capazes de dar um forte recado, especialmente para a China e a Coreia do Norte. O governo chinês envia com frequência embarcações que ingressam em águas territoriais em torno das Ilhas Senkaku. Justamente quando Abe e Trump tinham uma oportunidade de convívio informal nos Estados Unidos, a Coreia do Norte lançou um míssil balístico. A mídia global divide-se quanto à aproximação irrestrita do Japão em relação aos Estados Unidos. Um exemplo é o fato de Abe ter jogado golfe com o presidente que tem sido alvo de uma enxurrada de críticas de várias partes do mundo e do seu próprio país pela proibição de ingresso de estrangeiros, entre outras medidas. Contudo, em razão da forte dependência em relação aos Estados Unidos para a segurança nacional, seria realisticamente difícil para o Japão afastar-se de qualquer governo americano. Como ficou acertado que o vice-primeiro-ministro japonês, Taro Aso, e o vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, conversariam sobre questões econômicas, discussões difíceis foram adiadas. O governo Trump coloca os Estados Unidos em primeiro lugar e dá prioridade à criação de empregos no próprio país. Poderá, assim, fazer exigências severas em negociações bilaterais de comércio — por exemplo, restringido a entrada de produtos no mercado americano. Negociadores poderão enfrentar a difícil tarefa de encontrar pontos de concessão, ao mesmo tempo em que evitam confrontos.

De modo a estabelecer com urgência um arranjo que propicie diálogo, impõe-se na agenda política um convite a Pence para vir ao Japão tão logo quanto possível. E Trump prometeu a realização de uma visita ao Japão. O presidente americano encontra-se com Abe na reunião de cúpula do Grupo dos Sete na Itália, em maio; e na do Grupo dos 20 na Alemanha, em julho. Assim, talvez a visita ao Japão venha a se concretizar quando Trump for ao Vietnã, em novembro, para encontros do fórum Cooperação Econômica Ásia—Pacífico.

O relacionamento do Japão com os Estados Unidos afetará — indiscutível e consideravelmente — a agenda do governo Abe. O primeiro-ministro japonês vai estabelecer com cautela meios de construir um relacionamento com integrantes da administração Trump. Fará isso observando com interesse os efeitos que a aproximação poderá ter sobre a dissolução da Câmara Baixa e subsequente eleição, que devem ser feitas antes do fim da atual legislatura do parlamento japonês, em dezembro de 2018.” (da NHK World)



Últimas

2018/01/18 » Comentário — Lançamento promissor para o futuro dos negócios espaciais do Japão
2018/01/18 » Agência de Exploração Aeroespacial do Japão realiza lançamento bem-sucedido do foguete Epsilon-3
2018/01/06 » Produtores de carne de soja no Japão reforçam desenvolvimento e venda para atender à demanda
2018/01/06 » Produtores de carne de soja no Japão reforçam desenvolvimento e venda para atender à demanda
2018/01/05 » Comentário—Perspectivas para 2018 nos esportes (5º)
2018/01/04 » Comentário — Série de Ano-Novo — Perspectivas para 2018 em usinas nucleares
2018/01/03 » Comentário – Série de Ano-Novo: Perspectivas 2018 – Economia (3º)
2018/01/02 » Comentário - Série de Ano-Novo: Perspectivas para a diplomacia em 2018 (2º)
2018/01/01 » Comentário — Série de Ano-Novo: Perspectivas para 2018 na política japonesa (1º)
2017/12/31 » Fabricantes japonesas competem para criar novo tipo de bateria
2017/12/24 » Foguete japonês coloca dois satélites em órbita
2017/12/18 » Comentário — Astronauta japonês e perspectivas da exploração espacial
2017/12/11 » Governo japonês prepara plano para fomentar o uso de hidrogênio como fonte de energia
2017/12/05 » Portal Único de Comércio Exterior, por Leonardo Diniz Lahud, coordenador-geral de Normas e Facilitação de Comércio, do SECEX/MDIC
2017/12/05 » Programa OEA - Segurança e Conformidade no Comércio Internacional, por Elaine Cristina da Costa, analista Tributária da RFB
2017/12/05 » OEA – aspectos práticos e desafios, por Vanessa Grespan Baroni, gerente-sênior de Global Trade da EY
2017/11/27 » Japão e Israel assinam acordo sobre projetos de infraestrutura no território israelense
2017/11/21 » eSocial - Desafios e Aspectos Relevantes, por Valter Shimidu, sódio da Área Trabalhista e Previdenciário de KPMG
2017/11/21 » eSocial - Mudanças e Soluções, por José Maia, auditor-fiscal do Trabalho
2017/11/09 » Conta corrente do Japão apresenta superávit na primeira metade do ano fiscal de 2017

Ver mais »