Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Ministro nega "rombo" nas contas da Previdência, que deve fechar o ano com déficit de R$ 4 bi 16/07/2010

O ministro da Previdência Social, Carlos Eduardo Gabas, classificou como "catastróficas" as avaliações que qualificam o déficit das contas do setor como "rombo". Ele afirmou que "não há rombo nenhum, apenas o ministério faz atualização dos dados a cada comportamento de pagamentos, o que influencia a projeção de gastos". Dessa forma, ele justificou o aumento dos gastos previdenciários como decorrente do reajuste de 7,72% para aposentados e pensionistas aprovado pelo Congresso Nacional.

Mesmo negando o “rombo”, Gabas estima que, no quadro atual, haverá "necessidade de financiamento" da Previdência Social este ano de R$ 47 bilhões, para equilibrar a relação entre receita e despesa. A projeção original apontava para um déficit de R$ 50 bilhões, conforme mencionou, depois reduzida para R$ 45 bilhões. A previsão, agora, se eleva para R$ 47 bilhões no fechamento deste ano, contra um déficit de R$ 43 bilhões registrado em 2009.

O ministro disse que a Previdência "tem evoluído muito, com o controle de gestão, que levou à redução de fraudes e pagamentos indevidos e à melhora no atendimento ao segurado. Na medida em que a economia cresce arrecada-se mais e o resultado será mais favorável". Carlos Eduardo Gabas participou da abertura do seminário "Fundamentos para Registro de Benefícios Previdenciais a Empregados", promovido pelo Conselho Federal de Contabilidade (CFC).

Na ocasião, o ministro destacou que, "na verdade, não há déficit nenhum na Previdência Social. Apenas o sistema cumpre a Constituição Federal, promulgada em 1988, e subsidia as aposentadorias rurais, que partem de um salário mínimo por mês para a mulher trabalhadora que complete 60 anos de idade e para o agricultor que complete 65 anos de idade". Por esta razão, o ministério passou a mostrar as contas de pagamentos de aposentadorias e pensões de forma separada para aposentados urbanos e rurais.

Na avaliação dele, "esse é um benefício social justo, pois 70% dos alimentos produzidos no país vêm do trabalho desses agricultores, que só estavam vindo para a periferia das cidades porque não tinham outra saída para sua vida. Com o apoio que vêm recebendo do governo, eles agora preferem ficar onde gostam mesmo de ficar, que é na zona rural", completou o ministro. As informações são da Agência Brasil - Lourenço Canuto.



Últimas

2021/01/21 » Entidades consideram acertada manutenção da Selic em 2% ao ano
2021/01/21 » Copom mantém juros básicos da economia em 2% ao ano
2021/01/21 » Governo federal lança sistema para simplificar a abertura de empresas
2021/01/20 » ANP regulamenta indicação de áreas para exploração de petróleo e gás
2021/01/20 » Bancos Inter, Itaú e Caixa lideram ranking de reclamações ao BC
2021/01/20 » Confiança do empresário do comércio cai 2,2% em janeiro, diz CNC
2021/01/19 » CNI: faturamento da indústria cai pela primeira vez em sete meses
2021/01/19 » Produção de aço caiu 4,9% em 2020, informa o Instituto Aço Brasil
2021/01/19 » Atividade econômica tem alta de 0,59% em novembro, diz Banco Central
2021/01/19 » Atividade industrial desacelera em novembro de 2020
2021/01/18 » Saiba o que é a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO)
2021/01/18 » China contribuiu com mais da metade do superávit comercial do Brasil
2021/01/18 » Produção agropecuária de 2020 alcança R$ 871 bilhões
2021/01/15 » MPT abre inquéritos para avaliar danos sociais do fechamento da Ford
2021/01/15 » BNDES financia segunda usina termelétrica no Porto do Açu
2021/01/15 » IBGE: indústria cresce em dez dos 15 locais pesquisados em novembro
2021/01/14 » Balança comercial do agronegócio soma US$ 100,81 bilhões em 2020
2021/01/14 » Conab estima colheita de 264,8 milhões de toneladas de grãos
2021/01/14 » IBGE: safra de 2021 deve superar recorde de 2020
2021/01/14 » Veja o que pode e o que não pode no Enem 2020

Ver mais »