Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Ainda não há registros de brasileiros entre vítimas do terremoto no Japão, diz embaixada 11/03/2011

A Embaixada do Brasil no Japão informou que, por enquanto, não há registros de brasileiros vítimas do terremoto que atingiu hoje (11) o país. Segundo a assessoria da representação diplomática, a maior parte dos 270 mil brasileiros que vivem em território japonês mora no Sul e os tremores ocorreram no Norte. A embaixada informou à Agência Brasil que, no entanto, mantém o alerta e o atendimento às famílias e aos brasileiros que estão no Japão.

De acordo com a assessoria, o embaixador do Brasil no Japão, Marcos Bezerra Abott Galvão, está em contato permanente com a comunidade brasileira e recebeu apoio das autoridades japonesas. Logo após o terremoto, com magnitude de 8,9 graus na escala Richter, Galvão recebeu um telefonema do Ministério das Relações Exteriores do Japão, que se colocou à disposição do governo brasileiro.

A Embaixada do Brasil colocou um comunicado, na página da representação na internet, informando que às 14h46 (horário do Japão) foi registrado o terremoto. Segundo a nota, nas áreas atingidas há um pequeno número de brasileiros. A representação informou ainda que está em regime de plantão.

As comunicações nas principais cidades do Japão estão interrompidas. O metrô em Tóquio parou, assim como os trens que dão acesso a algumas regiões do país também estão paralisados. Uma hora depois dos tremores de terra, o primeiro-ministro, Naoto Kam, fez um pronunciamento à nação pedindo calma e informando que a situação estava sob controle.

Localizado no chamado Anel de Fogo do Pacífico, o Japão concentra cerca de 20% de todos os terremotos de magnitude superior a 6 graus na escala Richter que ocorrem no mundo. O epicentro foi na costa próxima à província de Miyagi, a 373 quilômetros da capital. Autoridades japonesas informam que, pelo menos, 26 pessoas morreram.

A Agência Meteorológica do Japão emitiu alerta de tsunami para ondas de até 10 metros em toda a costa do Pacífico. As ondas podem atingir também as Filipinas, o Havaí, a costa pacífica da Rússia, a Indonésia, Taiwan e mesmo países da América do Sul como o Chile. (Renata Giraldi, da Agência Brasil)



Últimas

2020/09/29 » CNI: confiança do empresário industrial cresce em todos os setores
2020/09/29 » Prazo de entrega da declaração do ITR acaba na quarta-feira
2020/09/29 » União libera R$ 5 bi para financiar MEI, micro e pequena empresa
2020/09/28 » Intenção de consumo das famílias volta a crescer após cinco quedas
2020/09/28 » Petrobras inicia venda de dois campos de petróleo de águas profundas
2020/09/28 » Governo economiza R$ 1 bilhão com trabalho remoto de servidores
2020/09/25 » Projeto do Senai vai qualificar trabalhadores para a indústria 4.0
2020/09/25 » Primeiro leilão de imóveis públicos do Rio será em outubro
2020/09/25 » CMN amplia limite de renda para microcrédito a empresas
2020/09/24 » Custos industriais caem 1,5% no segundo trimestre
2020/09/24 » Ministro da Economia diz que reforma deve ter tributos alternativos
2020/09/24 » Contas externas têm saldo positivo de US$ 3,7 bilhões
2020/09/23 » Conab avalia que Brasil terá segunda maior safra de café em 2020
2020/09/23 » CNI: atividade industrial segue em recuperação com alta do emprego
2020/09/23 » Indicadores recentes sugerem recuperação parcial da economia, diz BC
2020/09/22 » Brasil terá cota adicional na exportação de açúcar aos EUA
2020/09/22 » Estudo brasileiro aponta que covid-19 pode causar danos cerebrais
2020/09/22 » Mercado financeiro reduz projeção de queda da economia para 5,05%
2020/09/21 » Turismo: metade das operadoras vende viagens para novembro e dezembro
2020/09/21 » Covid-19: maioria dos estados segue sem aulas presenciais

Ver mais »