Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Hospital de SP reforça importância do diagnóstico da hipertensão no dia mundial de combate a doença 17/05/2011

Para alertar a população paulistana sobre a hipertensão, doença que atinge cerca de 33 milhões de brasileiros, segundo dados do Ministério da Saúde, o Hospital do Rim e Hipertensão de São Paulo fez uma ação na manhã de hoje (17), dia mundial de combate à doença, para estimular os pacientes a fazerem uma avaliação da pressão arterial.

“A hipertensão é uma doença crônica que, na maioria dos pacientes, não tem uma causa determinada”, disse a médica Frida Liane Plavnik, nefrologista do Hospital do Rim. Frida explicou que o sangue faz pressão ao passar pelas artérias. “E quando as artérias oferecem uma resistência à passagem desse sangue, a pressão sobe. Por isso é [chamada] hipertensão arterial”, explicou. Só é possível diagnosticar a hipertensão, segundo ela, medindo a pressão. “A hipertensão é, na maioria das vezes, uma doença assintomática”, afirmou a médica.

Por isso, o ideal é que a pressão seja medida pelo menos uma vez por ano. “Se ela estiver dentro de faixas normais – e consideramos pressão ótima abaixo de 12 por 8 – então ela vai repetir anualmente essa avaliação. Se houver alteração, se ela [pressão] estiver acima de 14 por 9, a orientação é que essa medida seja feita em duas semanas para ver se isto se confirma. Se estiver muito acima de 17 por 11, por exemplo, deve-se iniciar tratamento”, disse a médica.

Uma das ações promovidas pelo hospital colocou nos pacientes um equipamento chamado Mapa (Monitorização Ambulatorial de Pressão Arterial), que avalia a pressão arterial durante 24 horas. O equipamento, que é uma espécie de braçadeira, acoplada a um gravador preso na cintura, auxilia os médicos a desenhar um perfil do paciente e um gráfico de sua pressão durante todo o dia. “O paciente vai para casa com o aparelho e continua sua vida normal, com a correria normal”, explicou a médica.

A Mapa, segundo ela, é importante para analisar a pressão do paciente fora do ambiente hospitalar, onde a medição é feita apenas de maneira pontual. Isso evita, por exemplo, que um paciente que sofre do “efeito do avental branco”, em que sua pressão só sobe ao estar na frente de um médico, seja diagnosticado como hipertenso. E também ajuda a dar o diagnóstico para os pacientes que sofrem de “hipertensão mascarada”, quando ocorre o efeito contrário: a pressão fica baixa no consultório, mas cotidianamente, a pressão é alta. “Esse é um paciente que nos preocupa muito. E isso acontece em cerca de 10 a 15% da população”, disse.

A médica alertou que a hipertensão pode provocar insuficiência cardíaca, derrame e até infarto. O tratamento, de acordo com ela, consiste em uma medicação adequada e também na modificação do estilo de vida da pessoa, que deve ingerir baixa quantidade de sal, fazer atividades físicas regularmente e evitar fumar.

Duas das pacientes que colocaram a Mapa hoje pela manhã para terem a pressão arterial monitorada até amanhã (18) foram Maria de Fátima Azevedo Garcia, 63 anos, que trabalha no próprio hospital, e a aposentada Helia Maria Soares, 70 anos. Ambas falaram sentir um pouco de desconforto ao usar o aparelho por todo o dia. “É um pouco incomodo na hora do banho”, disse Maria de Fátima.

No entanto, as duas pacientes ressaltaram a importância de se diagnosticar e controlar a hipertensão. "[É importante] para não correr risco de infarto e outros problemas. Sou sempre acompanhada aqui [no hospital]. Já faz 24 anos que sou acompanhada”, disse Helia, que contou hoje ter a pressão controlada. “Tomo remédio, estou sempre passando no médico, faço caminhada e dieta, não abuso muito não. E vivo bem”, afirmou. (da Agência Brasil - Elaine Patricia Cruz)



Últimas

2021/04/19 » O que é Ibovespa
2021/04/19 » Setor energético terá investimentos de R$ 3 tri até 2030, diz ministro
2021/04/19 » Banco Central altera norma para segunda fase do open banking
2021/04/16 » Serviços registram crescimento de 3,7% em fevereiro, diz IBGE
2021/04/16 » LDO de 2022 destravará gastos com obras em caso de atraso no Orçamento
2021/04/16 » Projeto da LDO prevê crescimento de 2,5% para o próximo ano
2021/04/16 » Governo propõe salário mínimo de R$ 1.147 em 2022, sem aumento real
2021/04/16 » Petrobras aumenta preços do diesel e da gasolina nas refinarias
2021/04/16 » IGP-10 acumula inflação de 31,74% em 12 meses, diz FGV
2021/04/15 » Abertura de empresas bate recorde em 2020, diz Serasa
2021/04/15 » Indicador Antecedente tem queda de 2,2% em março, revela FGV
2021/04/15 » Vendas nos supermercados têm alta de 5,18% em fevereiro
2021/04/15 » Economia abre consulta pública para debater nova Lei de Licitações
2021/04/15 » Impacto da pandemia é maior para trabalhadores jovens, diz Ipea
2021/04/15 » Confiança do empresário cai pelo quarto mês seguido, diz CNI
2021/04/14 » Mais de 620 mil micro e pequenas empresas foram abertas em 2020
2021/04/14 » Inflação acelera para todas as faixas de renda em março, diz Ipea
2021/04/14 » Taxa de empréstimo pessoal tem pequena alta em abril, aponta Procon-SP
2021/04/14 » Comércio varejista cresce 0,6% em fevereiro, diz IBGE
2021/04/13 » Calendário de restituições não muda com novo prazo do Imposto de Renda

Ver mais »