Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Famílias diminuem o consumo, indica pesquisa da CNC 16/06/2011

As famílias brasileiras estão colocando o pé no freio na hora de consumir. É o que revela a pesquisa Intenção de Consumo das Famílias referente a junho, divulgada hoje (16) pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). Em relação ao mês de maio deste ano, o Índice de Intenção do Consumo das Famílias mostrou elevação moderada de 0,7%. Já na comparação com o mesmo mês de 2010, o índice de junho registrou queda de 1,7%.

O economista da CNC, Bruno Fernandes, disse que esta foi a primeira alta do índice no ano, após cinco meses de quedas consecutivas, motivadas pelas medidas do Banco Central para contenção do crédito e devido ao aumento do custo de vida, que levaram as pessoas a consumir menos.

Dois fatores determinaram o resultado mensal, apontou o economista. Um deles foi que o mercado de trabalho, mesmo apresentando desaceleração, continuou sustentando a intenção de consumo. A isto se somou o arrefecimento de preços observado desde o final de maio. “A conjunção desses dois fatores fez com que nós tivéssemos um resultado positivo agora em junho”.

Fernandes disse, porém, que a leve alta do índice em junho não foi capaz de reverter o processo de desaceleração do consumo das famílias. Para os próximos dois ou três meses, a CNC está prevendo um arrefecimento de preços, o que favorece a intenção de aumento de gastos das famílias. O economista destacou, porém, que para o ano de 2011, as medidas de contenção do crédito ainda influenciarão a desaceleração do consumo.

“Nós ainda podemos ter variações positivas nos próximos meses. No entanto, para o ano, a gente não espera que a intenção de consumo das famílias seja superior à do ano passado. O cenário será mais pessimista do que o de 2010”.

A maior alta do Índice de Intenção de Consumo das Famílias em junho, em relação a maio, foi observada na Região Centro-Oeste (+3,8%), enquanto a maior retração foi percebida no Norte do país (-2,2%). Na comparação com junho de 2010, a única variação positiva foi encontrada no Nordeste (+0,1%). A maior queda na intenção do consumo dos brasileiros foi registrada na Região Norte (-7,6%).

Por faixas de renda, o maior aumento na intenção de compra em junho ante maio ocorreu entre as pessoas que ganham até dez salários mínimos (+0,9%). Na avaliação dos últimos 12 meses, a maior retração do consumo foi apresentada na faixa de mais de dez mínimos (-2,8%). (da Agência Brasil, Alana Gandra)



Últimas

2019/11/12 » Setor de serviços cresce 1,2% em setembro, aponta IBGE
2019/11/12 » Cresce apoio do BNDES a projetos de micro, pequenas e médias empresas
2019/11/12 » Países do Brics buscam investimentos privados para infraestrutura
2019/11/12 » Faturamento do mercado de seguros cresceu 18,6% em setembro
2019/11/11 » Brics fomenta cooperação entre economias emergentes há 13 anos
2019/11/11 » Impostos dificultam pequenos e médios negócios, dizem empresários
2019/11/11 » IBGE revisa PIB de 2017 de 1% para 1,3%
2019/11/08 » Indicador da FGV mostra dificuldade de reação do mercado de trabalho
2019/11/08 » Petrobras recebe oferta de R$ 3,7 bilhões por Liquigás Distribuidora
2019/11/08 » Governo aumenta projeção de crescimento do PIB para 0,90%
2019/11/07 » Inflação de outubro é a menor para o mês desde 1998
2019/11/07 » Índice que serve de base para reajuste salarial tem variação de 2,76%
2019/11/07 » Seis em cada 10 empresários querem investir, mostra pesquisa do Sebrae
2019/11/07 » Poupança tem menor retirada líquida para outubro em cinco anos
2019/11/05 » Índice de Preços ao Produtor fica em 0,45% em setembro
2019/11/05 » Copom espera crescimento da economia brasileira no terceiro trimestre
2019/11/05 » Bolsa volta a bater recorde e aproxima-se dos 109 mil pontos
2019/11/05 » Índice-chave da Bolsa de Valores de Tóquio registra maior nível do ano
2019/11/05 » Premiês japonês e chinês preparam visita oficial do presidente da China ao Japão
2019/11/05 » Países do RCEP discutem futuro do acordo sem a Índia

Ver mais »