Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Financiamento da casa própria com recursos da poupança deve ultrapassar os R$ 85 bilhões previstos para o ano 04/08/2011

As operações de financiamento de imóveis com recursos das cadernetas de poupança cresceram 55%, no primeiro semestre, em comparação com o mesmo período do ano passado. Até o momento, as contratações já alcançaram 44% do total previsto para o ano todo, que é R$ 85 bilhões. Para o presidente da Associação Brasileira das entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip), Luiz Antonio França, a estimativa será ultrapassada.

Já o número de unidades financiadas aumentou 26%. Neste ano, foram financiados 236 mil imóveis ante 188 mil, no primeiro semestre de 2010. “A tendência é de uma estabilização dos preços”, prevê França.

Para ele, o desempenho do setor vem sendo alimentado pela crescente abertura de postos de trabalho e a consequente ampliação da massa salarial. “Esses fatores são fundamentais para os negócios no longo prazo porque dão mais confiança na aquisição de uma casa para ser paga em 30 anos”.

O presidente da Abecip, porém, defendeu a necessidade de serem criadas alternativas de fontes de financiamento porque acredita que haverá um descompasso entre a velocidade dos depósitos em cadernetas de poupança e a demanda por imóveis financiados. “Em um determinado momento, o crédito imobiliário cresce 50% e o volume das cadernetas, 15%”, apontou .

Ele informou que a Abecip enviará, até o fim de agosto, proposta ao Banco Central para que seja adotada uma nova opção de captação de recursos por meio de títulos em sistema semelhante ao seguido na Europa.

Depois de dois meses em queda, as captações líquidas das cadernetas de poupança atingiram R$ 1,2 bilhão, em junho, no melhor resultado do ano. Dados da entidade mostram que os financiamentos de imóveis com recursos das cadernetas de poupança e do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) atingiram R$ 49,9 bilhões no semestre, dos quais R$ 37 bilhões tiveram como fonte as captações da poupança. A maioria das operações com recursos da poupança foi para o financiamento de imóveis usados (67,5%) e o restante, 32,5%, para novos.

O índice de inadimplência, de janeiro a junho, ficou em l,l5%, taxa menor do que a registrada em igual período do ano passado (l,20%). (da Agência Brasil, Marli Moreira)



Últimas

2020/08/07 » MP destina R$ 1,99 bilhão para viabilizar vacina contra covid-19
2020/08/07 » Cursos de qualificação profissional têm alta demanda na pandemia
2020/08/07 » Senai ensina indústrias a produzirem EPI contra novo coronavírus
2020/08/06 » Bolsonaro sanciona lei de negociação de dívidas das micro empresas
2020/08/06 » Baixa inflação permitiu corte nos juros, avaliam entidades
2020/08/06 » Copom reduz juros básicos da economia para 2% ao ano
2020/08/05 » Dezenas de empresas aderem à Semana Brasil 2020
2020/08/05 » Semana Brasil terá edição 2020 e deve ajudar na retomada da economia
2020/08/05 » Governo de Osaka planeja estudar eficácia de gargarejo no combate ao coronavírus
2020/08/04 » BNDES seleciona fundos de crédito não bancário para pequenas empresas
2020/08/04 » Balança comercial tem superávit recorde de US$ 8,06 bilhões em julho
2020/08/04 » Governo economiza R$ 466 milhões com a máquina pública na pandemia
2020/08/03 » Japonesa Seven & i Holdings pagará US$ 21 bilhões pela rede americana Speedway
2020/08/03 » Fábricas de veículos no Japão retornam gradualmente à produção normal
2020/08/03 » Covid-19: OMS prevê que pandemia durará muito tempo
2020/08/03 » Confira pagamentos e tributos adiados ou suspensos durante a pandemia
2020/07/31 » Auxílio emergencial elevou em 24% renda pré-pandemia, mostra pesquisa
2020/07/31 » Ministro da Infraestrutura diz que Brasil vive revolução ferroviária
2020/07/31 » Petrobras reduz em 4% preço da gasolina nas refinarias nesta sexta
2020/07/30 » Confira pagamentos e tributos adiados ou suspensos durante a pandemia

Ver mais »