Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
CNM pede ajuste em decreto que obriga movimentação de repasses da União em bancos oficiais 04/08/2011

A Confederação Nacional dos Municípios (CNM) encaminhou ofício à Presidência da República relatando as dificuldades de 2,6 mil municípios em manter conta específica, em instituições financeiras federais, para receber recursos das transferências da União. A nova regra foi publicada na semana passada e abrange municípios, estados e o Distrito Federal.

De acordo com Decreto 7.507, os recursos do Sistema Único de Saúde (SUS), do transporte escolar, do Fundo Nacional de Educação Básica (Fundeb), do Programa Nacional de Inclusão de Jovens (Projovem), da merenda escolar e do Dinheiro Direto na Escola devem ser movimentados na conta específica, mantida em instituição financeira federal.

O decreto obriga também que a movimentação seja exclusivamente eletrônica, mediante crédito em conta corrente de titularidade dos fornecedores e prestadores de serviços. Os saques são aceitos somente em caráter excepcional, para pagamentos em dinheiro, mas não podem ultrapassar R$ 8 mil por ano.

A CNM destaca a falta de agência de instituição financeira federal para cumprir a nova determinação em todos os municípios. Além disso, a entidade lembra que boa parte deles também não tem acesso à internet, especialmente os municípios das regiões Norte e Nordeste.

O presidente da CNM, Paulo Ziulkoski, entende que a medida é “extremamente saneadora e digna de aplauso”, mas destaca que “só seria aplicável se o acesso à internet fosse pleno em todo o Brasil e se, da mesma forma, fosse total o oferecimento de agências de instituições financeiras oficiais federais, o que, infelizmente, não ocorre”.

Ele solicita que a vigência do decreto seja adiada para os municípios sem agências do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal. Ziulkoski sugere também a criação de grupo de trabalho, no âmbito do Comitê de Articulação Federativa (CAF), com participação da CNM, para discutir o cumprimento das normas estabelecidas no decreto. (da Agência Brasil, Stênio Ribeiro)



Últimas

2019/12/13 » Estados Unidos e China concluem Fase 1 de acordo comercial
2019/12/13 » Grandes municípios perdem participação no PIB ano a ano, mostra IBGE
2019/12/13 » FGTS poderá distribuir mais que 50% dos lucros, informa governo
2019/12/12 » Receita faz nova operação de malha fina em empresas
2019/12/12 » Saúde amplia público para vacinas contra febre amarela e gripe
2019/12/12 » Produção de ovos de galinha bate novo recorde no país, diz IBGE
2019/12/11 » Acesso digital a serviços públicos gera economia de R$ 1,7 bi por ano
2019/12/11 » Comércio varejista registra a sexta alta consecutiva em outubro
2019/12/10 » Inflação para família de baixa renda tem alta de 0,54% em novembro
2019/12/10 » Safra de 2020 deve bater recorde e chegar a 240,9 milhões de toneladas
2019/12/10 » Mais 2 milhões de pessoas passam a ter esgoto e água potável em casa
2019/12/09 » Novas tecnologias digitais aumentam produtividade de empresas
2019/12/09 » Estimativa para inflação sobe para 3,84% este ano
2019/12/09 » Brasil e Paraguai terão livre comércio de automóveis
2019/12/09 » Brasil mantém posição no Índice de Desenvolvimento Humano em 2019
2019/12/04 » Produção industrial cresce 0,8% em outubro
2019/12/03 » Faturamento da indústria sobe 1,3% em outubro, diz CNI
2019/12/03 » Venda de veículos novos cresce 4,38% em novembro frente a 2018
2019/12/03 » Com nova revisão da balança comercial, exportações sobem US$ 6,4 bi
2019/12/03 » Balança comercial fecha novembro com menor superávit desde 2015

Ver mais »