Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Aneel aprova reajuste de tarifas de energia de cinco concessionárias 23/08/2011

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou hoje (23) o reajuste das tarifas das concessionária Energisa Paraíba, Força e Luz Coronel Vivida (Forcel), Companhia Energética de Alagoas (Ceal), Companhia Energética do Maranhão (Cemar) e Companhia Energética do Piauí (Cepisa). As novas tarifas entrarão em vigor no próximo domingo (28).

Para os consumidores da Energisa Paraíba, o aumento será 8,06% para baixa tensão (residências, comércio, etc) e 6,43% para alta tensão (indústrias). A empresa atende a 1,1 milhão de unidades consumidoras em 216 municípios da Paraíba. As 6,3 mil unidades consumidoras do município de Coronel Vivida (PR) atendidas pela Forcel terão reajuste de 7,43% para as residências e de 6,84% para as indústrias.

O reajuste tarifário anual da concessionária Ceal vai resultar em aumento de 1,93% para os consumidores de baixa tensão e um reajuste negativo de -0,43% para as indústrias. A empresa atende a 898.014 unidades consumidoras, localizadas em 102 municípios de Alagoas.

Para a concessionária Cemar, que atende a 1,7 milhão de unidades consumidoras em 217 municípios do Maranhão, o aumento será 7,53% para as residências e 6,05% para as indústrias. Já os 974.284 consumidores do estado do Piauí atendidos pela Cepisa terão aumento de 12,82% para baixa tensão e de 10,08% para alta tensão.

De acordo com a Aneel, os índices de reajuste são calculados levando com conta a variação de custos que a empresa teve no período. A fórmula inclui custos de distribuição, sobre os quais incide o Índice Geral de Preços do Mercado (IGP-M) e o Fator X, que é calculado com base na produtividade das concessionárias e determina a redução que deve ser aplicada no cálculo do reajuste da tarifa.

A Aneel também decidiu hoje manter as tarifas atuais da Elektro Eletricidade e Serviços até a publicação da metodologia definitiva do terceiro ciclo de revisões tarifárias. A Elektro atende a 1,95 milhão de unidades consumidoras em 223 municípios do estado de São Paulo e cinco de Mato Grosso do Sul. (da Agência Brasil, Sabrina Craide)



Últimas

2020/11/24 » Maioria dos reajustes até outubro teve ganhos reais, diz Dieese
2020/11/24 » Mercado aumenta previsão de inflação e prevê queda menor do PIB
2020/11/24 » Guedes anuncia que vai para o "ataque" com privatizações e reformas
2020/11/23 » Mais de 60% dos internautas no país usam serviços públicos digitais
2020/11/23 » Guia de financiamento ajuda empresas interessadas em sustentabilidade
2020/11/23 » Em reunião do G20, Guedes diz que recuperação do Brasil surpreende
2020/11/20 » Economia cresceu 7,5% do segundo para o terceiro trimestre, diz FGV
2020/11/20 » Produção e empregos estão em alta na indústria, diz CNI
2020/11/20 » Confiança do empresário do comércio sobe 4,1% em novembro, diz CNC
2020/11/18 » Aumento de exportações industriais traria R$ 376 bi para economia
2020/11/18 » Quase dois terços das indústrias esperam faturar mais em 2021
2020/11/18 » Brics apoia candidatura do Brasil para Conselho de Segurança da ONU
2020/11/17 » Pix terá pagamentos programados e troco em dinheiro
2020/11/17 » PagTesouro começa a disponibilizar Pix como forma de pagamento
2020/11/17 » Consulta pública busca soluções digitais para pequena e média empresa
2020/11/16 » Pix: novo sistema de pagamento instantâneo entra em funcionamento
2020/11/16 » Índice de Confiança do Empresário Industrial sobe em novembro
2020/11/16 » Atividade econômica tem crescimento de 9,47% no terceiro trimestre
2020/11/13 » BNDES tem lucro de R$ 8,73 bilhões no terceiro trimestre
2020/11/13 » Consumo de energia volta a níveis pré-pandemia no Brasil

Ver mais »