Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Aumento da carga tributária ajudou a reduzir dívida da União no ano passado 23/03/2012

Brasília – O aumento da arrecadação de tributos federais em 2011, equivalente a 23,92% do Produto Interno Bruto (PIB), foi o principal responsável pela superação da meta fiscal do governo federal. O esforço com o corte de gastos de custeio da administração pública e das despesas da Previdência contribuiu também, embora em menor proporção, para o resultado.

A constatação faz parte da Nota Técnica 9/2012, do Núcleo de Assuntos Econômico-Fiscais da Consultoria de Orçamento e Fiscalização Financeira da Câmara dos Deputados. O estudo Desempenho de Receitas e Despesas da União, que analisa a programação e a execução do Orçamento de 2011, considera positivo o esforço fiscal para redução da dívida pública e seus efeitos sobre a política monetária do Banco Central, que busca taxas de juros mais baixas para estimular a produção e o consumo.

Os recursos economizados pelo Tesouro Nacional contribuíram, ainda, para a reduzir a dívida líquida do setor público ao equivalente a 36,4% do PIB, 2 pontos percentuais abaixo do resultado de 2008. Com uma dívida menor, o Brasil consegue elevar sua credibilidade entre os que compram papéis públicos e, com isso abre espaços também para a queda dos juros.

A receita obtida pelo Tesouro Nacional – R$ 991,037 bilhões – foi elevada, em parte, pelo efeito da inflação, que ficou em 6,5%. Quando há aumento dos preços dos produtos e o valor do imposto recolhido é maior, cresce também a arrecadação, mas a despesa orçada não sobe na mesma proporção.

Isso pode ser observado com a despesa de pessoal da União, que estava prevista em R$ 183 bilhões em 2011, mas acabou tendo uma economia de R$ 1,6 bilhão, em parte pela suspensão de concursos, de admissões de pessoal e de novas autorizações para programas de desligamento voluntário.

A folha de pessoal da União no ano passado, quando comparada ao crescimento do PIB, ficou em 4,38%, o menor gasto deste 2009 e praticamente igual ao de 2008. Um dos fatores que podem justificar, em parte, esse baixo desembolso é o fato de o produto do país ter crescido 7,5% em 2010 e servir de base de comparação ao PIB 2011.

Embora fosse desejo do Ministério do Planejamento ampliar os investimentos, o desempenho ficou abaixo do de 2010, inclusive do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Segundo o estudo, o investimento do PAC ficou em R$ 19,967 bilhões. Tomando como referência o PIB, o crescimento ficou abaixo do aplicado em 2010 e 2008, apesar de terem sido executados 74% do que foi orçado. Quando é considerado o gasto de custeio do PAC, que envolve outras despesas, inclusive as do Programa Minha Casa, Minha Vida, da ordem de R$ 8,056 bilhões, o desembolso fica em R$ 28,022 (0,68 % do PIB). (da Agência Brasil, Ivanir José Bortot)



Últimas

2020/11/25 » Anatel prevê leilão do 5G no final do primeiro semestre de 2021
2020/11/25 » Mercado de capitais analisa critérios socioambientais de empresas
2020/11/25 » Pix tem quase 4,4 milhões de portabilidade de chaves
2020/11/24 » Maioria dos reajustes até outubro teve ganhos reais, diz Dieese
2020/11/24 » Mercado aumenta previsão de inflação e prevê queda menor do PIB
2020/11/24 » Guedes anuncia que vai para o "ataque" com privatizações e reformas
2020/11/23 » Mais de 60% dos internautas no país usam serviços públicos digitais
2020/11/23 » Guia de financiamento ajuda empresas interessadas em sustentabilidade
2020/11/23 » Em reunião do G20, Guedes diz que recuperação do Brasil surpreende
2020/11/20 » Economia cresceu 7,5% do segundo para o terceiro trimestre, diz FGV
2020/11/20 » Produção e empregos estão em alta na indústria, diz CNI
2020/11/20 » Confiança do empresário do comércio sobe 4,1% em novembro, diz CNC
2020/11/18 » Aumento de exportações industriais traria R$ 376 bi para economia
2020/11/18 » Quase dois terços das indústrias esperam faturar mais em 2021
2020/11/18 » Brics apoia candidatura do Brasil para Conselho de Segurança da ONU
2020/11/17 » Pix terá pagamentos programados e troco em dinheiro
2020/11/17 » PagTesouro começa a disponibilizar Pix como forma de pagamento
2020/11/17 » Consulta pública busca soluções digitais para pequena e média empresa
2020/11/16 » Pix: novo sistema de pagamento instantâneo entra em funcionamento
2020/11/16 » Índice de Confiança do Empresário Industrial sobe em novembro

Ver mais »