Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Ampliação do Plano Brasil Maior melhora ambiente de negócios e de empregos, segundo associações industriais 04/04/2012

Brasília – A ampliação do Plano Brasil Maior, com as medidas de desoneração fiscal anunciadas ontem (3) pelo governo, é um “passo importante” para melhorar o ambiente de negócios e aumentar a participação da indústria na produção e no emprego, de acordo com o presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Robson Braga de Andrade.

Ele ressalta, porém, que o problema da indústria não é de ordem conjuntural apenas. Trata-se, segundo ele, de uma questão estrutural, que reflete problemas de competitividade sistêmica. No seu entender, a desoneração da folha de salários, créditos e defesa comercial ajudam, mas é necessária uma estratégia clara de política industrial, com objetivos bem definidos, para que a indústria tenha “isonomia competitiva”.

Os 15 setores da indústria beneficiados com desoneração da folha de pagamentos têm grande peso na formação de empregos. Casos, por exemplo, da indústria de confecções, que emprega 1,322 milhão de pessoas em todo o país; da indústria têxtil com seus 334,7 mil postos de trabalho diretos, de acordo com dados da Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecções (Abit), bem como 1,5 milhão de empregos diretos e indiretos da cadeia automobilística, segundo estima a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea).

O presidente da Abit, Aguinaldo Diniz Filho, também acredita que as medidas terão impacto positivo no setor têxtil e de confecções, mas defende “mudanças contínuas e profundas nas estruturas de produção”. Segundo ele, o anúncio de hoje mostra uma “sensível preocupação” com a desindustrialização e suas possíveis consequências para o país, como a redução de empregos.

O professor de economia da Fundação Getulio Vargas (FGV) de São Paulo, Samy Dana, também bate na mesma tecla. Ele diz que não adianta apenas reduzir tributos pontuais e específicos, quando é necessário diminuir toda a carga tributária brasileira e, sobretudo, reduzir o spread bancário (diferença entre os juros que os bancos pagam aos clientes e os juros cobrados nos empréstimos). Sem isso, segundo ele, não haverá grande aumento do número de empregos no país com essas medidas.

“Precisamos fazer mais para que a indústria brasileira ganhe em competitividade e para isso o governo precisa investir mais em infraestrutura e trabalhar por uma ampla reforma tributária”, acrescentou. (da Agência Brasil, Stênio Ribeiro)



Últimas

2021/01/19 » CNI: faturamento da indústria cai pela primeira vez em sete meses
2021/01/19 » Produção de aço caiu 4,9% em 2020, informa o Instituto Aço Brasil
2021/01/19 » Atividade econômica tem alta de 0,59% em novembro, diz Banco Central
2021/01/19 » Atividade industrial desacelera em novembro de 2020
2021/01/18 » Saiba o que é a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO)
2021/01/18 » China contribuiu com mais da metade do superávit comercial do Brasil
2021/01/18 » Produção agropecuária de 2020 alcança R$ 871 bilhões
2021/01/15 » MPT abre inquéritos para avaliar danos sociais do fechamento da Ford
2021/01/15 » BNDES financia segunda usina termelétrica no Porto do Açu
2021/01/15 » IBGE: indústria cresce em dez dos 15 locais pesquisados em novembro
2021/01/14 » Balança comercial do agronegócio soma US$ 100,81 bilhões em 2020
2021/01/14 » Conab estima colheita de 264,8 milhões de toneladas de grãos
2021/01/14 » IBGE: safra de 2021 deve superar recorde de 2020
2021/01/14 » Veja o que pode e o que não pode no Enem 2020
2021/01/13 » BNDES define consórcio que apoiará programa de aceleração de startups
2021/01/13 » Inflação da construção civil atinge 10,16% em 2020
2021/01/13 » Inflação para famílias com menor renda fecha 2020 com alta de 5,45%
2021/01/13 » Inflação oficial fecha 2020 em 4,52%, diz IBGE
2021/01/12 » Ministério pede avanço de reformas para manter fábricas no país
2021/01/12 » Preço da cesta básica aumentou em todas as capitais em 2020

Ver mais »