Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Estados Unidos não tentaram bloquear acordo sobre oceanos, diz negociador americano 20/06/2012

Rio de Janeiro – Apontado por ambientalistas como o principal interessado em não haver acordo sobre o uso dos recursos dos oceanos, os Estados Unidos negam que tenham se esforçado nesse sentido. Segundo o chefe dos negociadores norte-americanos na Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20. Todd Stern, os Estados Unidos não estavam bloqueando os esforços para fechamento de acordo sobre os oceanos.

“Estamos bem focados nessa área. Temos trabalhado, há muito tempo, em prol do direito do mar [Convenção das Nações Unidas sobre o Direito do Mar, que faz 30 anos neste ano]. Estamos bem comprometidos com a questão dos mares. Há bons avanços no documento de hoje”, disse Stern, que também é enviado especial do governo dos Estados Unidos para Mudanças Climáticas.

De acordo com o norte-americano, o documento da Rio+20 tem pontos que desagradam a todas as delegações, e com os Estados Unidos não é diferente. Para ele, o texto poderia ter levado a discussão sobre financiamento mais para o lado das diferentes possibilidades que existem hoje no mundo.

Por exemplo, em vez da criação de fundos globais, há alternativas como investimentos privados e cooperação entre países em desenvolvimento. “A orientação poderia ter sido um pouco mais como a gente vê em outras
circunstâncias, em que o foco poderia ser mais nas assistências tradicionais, do país doador ao recebedor, mas também reconhecendo as mudanças rápidas que vem acontecendo no mundo, onde diferentes tipos de fluxos financeiros têm se tornado importantes. Há importantes fluxos Sul-Sul, por exemplo”, explicou Stern.

Por outro lado, os Estados Unidos ficaram satisfeitos com a forma como ficou decidido o fortalecimento do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma) e com a criação do Fórum Político de Alto Nível para discutir desenvolvimento sustentável.

Segundo Stern, o desenvolvimento sustentável é uma das prioridades dos Estados Unidos. Ele justificou a ausência do presidente Barack Obama na conferência dizendo que a representante americana, a secretária de Estado, Hillary Clinton, é uma "figura mundial". Então, os Estados Unidos estarão bem representados, afirmou.

Stern elogiou o trabalho da delegação brasileira à frente das negociações, dizendo que o Brasil atuou com uma diplomacia extremamente talentosa. Ele disse acreditar que o documento já está fechado e que os chefes de Estado e Governo não mudarão seu conteúdo, principalmente porque o Brasil, como presidente da Rio+20,
não está disposto a abrir essa possibilidade. “Acho que os brasileiros não têm nenhuma intenção de abrir o documento, porque todo mundo tem alguma coisa de que não gosta no documento.”

Acompanhe a cobertura multimídia da Empresa Brasil de Comunicação (EBC) na Rio+20. (da Agência Brasil, Vitor Abdala)



Últimas

2020/10/26 » Contas externas têm em setembro sexto mês seguido de saldo positivo
2020/10/26 » Petrobras inicia venda de campos terrestres em Sergipe
2020/10/26 » Banco Central registra recorde de remessas de dólares para o Brasil
2020/10/23 » Ministério da Infraestrutura entregará planos de logística até 2050
2020/10/23 » OMS: risco de pegar covid-19 em aviões é "muito baixo", mas não zero
2020/10/23 » Cresce pauta sobre home office nas negociações trabalhistas
2020/10/22 » Confiança da indústria atinge maior nível em nove anos
2020/10/22 » Opas: América Latina não deve relaxar enfrentamento à pandemia
2020/10/22 » Faturamento do setor de turismo no Brasil tem redução de 33,6% em 2020
2020/10/21 » Setor mineral brasileiro tem resultado positivo no 3º trimestre
2020/10/21 » Decreto inclui Linha 2 do metrô de BH em programa de privatizações
2020/10/21 » Não investir no Brasil será um grande erro, afirma ministro
2020/10/21 » Inflação do aluguel sobe de 18,20% para 20,56% em 12 meses
2020/10/20 » Pacote comercial abre caminho para acordo mais amplo, diz governo
2020/10/20 » SP:acordo da ANTT permite investimento de R$ 6 bi em malha ferroviária
2020/10/20 » Como fazer a amortização do FGTS pelo celular
2020/10/19 » Comércio eletrônico e delivery aumentam consumo de embalagens
2020/10/19 » Doria apresenta plano de retomada econômica de São Paulo
2020/10/19 » Produção brasileira de aço cresce 7,5% em setembro
2020/10/16 » Indicador antecedente da economia brasileira cresce 1,2% em setembro

Ver mais »