Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Gastos de brasileiros no exterior batem recorde em maio 21/06/2013

Brasília – Os gastos de brasileiros no exterior chegaram a US$ 2,232 bilhões, em maio, de acordo com dados divulgados hoje (21) pelo Banco Central (BC). Esse foi o maior resultado para meses de maio, na série histórica do BC, iniciada em 1969.

Em igual mês do ano passado, esses gastos ficaram em US$ 1,829 bilhões. De janeiro a maio, os gastos de brasileiros ficaram em US$ 10,370 bilhões, contra US$ 9,019 bilhões registrados nos cinco meses de 2012.

O chefe do Departamento Econômico do BC, Tulio Maciel, ressaltou que as viagens internacionais são “sensíveis” à cotação do dólar, que está em alta. “O câmbio tem oscilado e a conta de viagens internacionais tende a responder em alguma proporção em relação ao câmbio”. Entretanto, Maciel disse que a renda dos brasileiros continua crescendo e isso estimula às viagens ao exterior.

Além disso, Maciel lembrou que muitos turistas compram pacotes de viagens internacionais antecipadamente. Por isso, a alta do dólar pode não ter efeito imediato na redução dos gastos de brasileiros no exterior. Neste mês, segundo ele, é possível que essas despesas sejam maiores do que em junho de 2012. “[Há] alguma defasagem desse movimento [de alta do dólar] e a resposta das viagens”, disse.

Os dados preliminares deste mês, até o dia 19, mostram que as despesas de viagens chegaram a US$ 1,286 bilhão. As receitas deixadas por estrangeiros no Brasil, ficaram em US$ 320 milhões, nesse período.

Em maio, essas receitas de estrangeiros no Brasil ficaram em US$ 521 milhões, contra US$ 532 milhões registrados no mesmo mês do ano passado. Nos cinco meses do ano, essas receitas ficaram em US$ 3,020 bilhões, contra US$ 3,009 bilhões de janeiro a maio de 2012.

Hoje, o BC revisou a projeção do déficit na conta de viagens internacionais, formada por gastos de brasileiros no exterior e receitas de estrangeiros no Brasil, de US$ 16,3 bilhões para US$ 16,7 bilhões.

De janeiro a maio, o déficit dessa conta ficou em US$ 7,349 bilhões, contra US$ 6,010 bilhões de igual período de 2012. E maio, o déficit ficou em US$ 1,712 bilhão, contra US$ 1,298 bilhões de igual mês do ano passado. (da Agência Brasil, Kelly Oliveira)



Últimas

2019/11/21 » BC organiza mutirão de renegociação de dívidas antes do Natal
2019/11/21 » América Móvil prevê investimentos de R$ 30 bilhões no Brasil
2019/11/21 » Guedes diz que abertura da economia será gradual
2019/11/19 » Petrobras reajusta gasolina em 2,8% nas refinarias
2019/11/19 » Setor de infraestrutura tem feito "mais com menos", diz secretário
2019/11/19 » Déficit primário encerrará o ano abaixo de R$ 80 bilhões, diz Guedes
2019/11/18 » Instituições financeiras elevam expectativa de inflação para 3,33%
2019/11/18 » Com Selic em queda, poupança pode passar a render menos que a inflação
2019/11/14 » Atividade econômica cresce 0,91% no terceiro trimestre
2019/11/14 » Caixa e BB iniciam quinta fase de pagamento de abono do PIS/Pasep
2019/11/14 » Reformas vão tornar Brasil mais atrativo a negócios, diz Bolsonaro
2019/11/14 » Reformas vão tornar Brasil mais atrativo a negócios, diz Bolsonaro
2019/11/13 » Privatização da Eletrobras deve reduzir tarifas para os consumidores
2019/11/13 » Caixa reduz para 4,99% a taxa de juros do cheque especial
2019/11/13 » Ministro diz que reforma da Previdência já atrai investidores
2019/11/12 » Setor de serviços cresce 1,2% em setembro, aponta IBGE
2019/11/12 » Cresce apoio do BNDES a projetos de micro, pequenas e médias empresas
2019/11/12 » Países do Brics buscam investimentos privados para infraestrutura
2019/11/12 » Faturamento do mercado de seguros cresceu 18,6% em setembro
2019/11/11 » Brics fomenta cooperação entre economias emergentes há 13 anos

Ver mais »