Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Percentual de cheques devolvidos em maio chega a 2,17% 24/06/2014

 

Percentual de cheques sem fundo fica praticamente estável

Percentual de cheques devolvidos em maio chega a 2,17%Imagem de Arquivo/Agência Brasil

 

O percentual de cheques devolvidos, pela segunda vez, por insuficiência de fundos chegou a 2,17% em maio. Segundo a Serasa Experian, foram devolvidos 1.376.096 cheques e compensados 63.506.394. Em maio de 2013, esse percentual ficou em 2,15% e, em abril deste ano, o índice foi 2,13%. No acumulado dos primeiros cinco meses de 2014, a taxa alcança 2,12%, superior à devolução de 2,10% em igual período de 2013.

Segundo os economistas da Serasa Experian, o aumento da inadimplência com cheques em maio, em comparação a abril, reflete a sazonalidade típica do período devido ao Dia das Mães. “O patamar mais elevado da inadimplência com cheques neste ano em relação ao ano passado é reflexo de uma conjuntura dominada pelo encarecimento do crédito e pela elevação da inflação. Tais fatores afetam negativamente a capacidade dos consumidores em honrar em dia os compromissos”, informa a entidade.

Na Região Norte, o percentual de devolução em maio chegou a 4,32% do total de cheques compensados – menor que a devolução de 4,56% registrada em abril. Em maio do ano passado, o índice havia sido 4,66% do total de cheques compensados. No Nordeste, a taxa em maio foi 4,54% do total de cheques compensados, maior que a devolução de 4,48% de abril. Em maio de 2013, o percentual foi 4,49%.

Na Região Sudeste, a taxa em maio ficou em 1,66% do total – maior que o percentual de 1,64%, registradao em abril. Em maio do ano passado, o índice foi 1,68%. No Sul, a devolução de cheques em maio foi 2,14% do total de cheques compensados, maior que os 2,06% registrados no mês anterior. Em maio de 2013, a taxa foi 2,01%.

Na Região Centro-Oeste, o índice chegou a 3,17% do total de cheques compensados, maior que os 3,04% registrados em abril. Em maio do ano passado, o percentual foi 3,08%. (da Agência Brasil, Flávia Albuquerque)



Últimas

2020/02/21 » Polícia Rodoviária Federal inicia Operação Carnaval nesta sexta-feira
2020/02/21 » Escolas de samba movimentam economia durante todo ano no Rio
2020/02/20 » Banco Central injeta R$ 135 bilhões na economia
2020/02/20 » Programa para fazer Declaração do Imposto de Renda já está disponível
2020/02/20 » Prévia da inflação oficial fica em 0,22% em fevereiro
2020/02/19 » Comissão Europeia quer criar mercado único de dados
2020/02/19 » Confiança da indústria cai em fevereiro depois de 3 altas seguidas
2020/02/19 » Confiança da indústria cresce 0,7 ponto na prévia de fevereiro
2020/02/18 » Economia segue em processo de recuperação gradual, diz BC
2020/02/18 » FGV: economia brasileira cresceu 1,2% em 2019
2020/02/18 » Rodovias terão estabelecimentos regulamentados para motoristas
2020/02/17 » Associação alerta motoristas sobre riscos no trânsito durante carnaval
2020/02/17 » Estimativa do mercado financeiro para inflação cai para 3,22%
2020/02/17 » Começam a valer medidas da Caixa para estimular construção civil
2020/02/14 » Atividade econômica cresce 0,89% em 2019
2020/02/14 » Cerca de 25% dos desempregados procuram emprego há mais de dois anos
2020/02/14 » Taxa de desemprego cai em 16 estados, revela IBGE
2020/02/13 » Abate de bovinos cai e o de suínos e frangos sobe no último trimestre
2020/02/13 » Setor de Serviços fecha 2019 com crescimento de 1%
2020/02/13 » Coronavírus: subida exponencial de mortes e casos. O que mudou?

Ver mais »