Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Indenizações por morte no trânsito caem 5% e por invalidez sobem 20% 07/07/2015

O número de indenizações do seguro obrigatório de veículos automotores por mortes no trânsito diminuiu 5% no primeiro trimestre do ano, quando relacionado ao mesmo período de 2014, mas o de indenizações por invalidez permanente aumentou 20%, de acordo com a seguradora responsável pelo pagamento de tais coberturas.

O diretor-presidente da seguradora Líder Dpvat, Ricardo Xavier, responsável pelo seguro, ressalta que, apesar de as motocicletas representarem 27% dos veículos no Brasil, elas estão presentes em 80% dos acidentes que resultaram em invalidez permanente no período.

Xavier acredita que a diminuição das mortes e a grande proporção de indenizações pagas a motociclistas deve-se ao fato de os carros estarem cada vez mais seguros: “Está havendo mais conscientização sobre o uso de cinto de segurança, airbag e freios ABS. Com a modernização, os carros têm mais capacidade de proteger os indivíduos, enquanto aumenta o número de motocicletas e, nelas, não tem isso.”

Ao todo, houve aumento de 15% na concessão das indenizações neste período, totalizando 186.029 pagamentos, dos quais 145 mil por invalidez permanente.  As estatísticas da seguradora mostram, ainda, que os homens continuam sendo a maioria das vítimas de trânsito: 75% do total dos acidentados segurados. Quando analisado o tipo de vítima, verifica-se que 64% (119.747) são condutores, 19% (34.575) passageiros e 17% (31.707) pedestres.

O Seguro Dpvat indeniza todas as vítimas de acidentes de trânsito no Brasil, sem necessidade de apuração da culpa, seja motorista, passageiro ou pedestre, e o prazo para solicitação da indenização é de até três anos a contar da data do acidente, para os casos de morte ou reembolso de despesas médicas. Em caso de invalidez permanente, o prazo tem início na data da ciência da invalidez pela vítima.

Solicitar o Seguro Dpvat é gratuito e o próprio interessado pode pedir, sem intermediários, nos pontos oficiais, como as agências dos Correios. Com a documentação correta, a indenização é paga em até 30 dias. São três tipos de coberturas para o Seguro Dpvat: morte (R$13.500); invalidez permanente (até R$13.500, variando conforme gravidade da lesão) e reembolso de despesas médicas e hospitalares (até R$ 2.700, de acordo com despesas efetivadas e comprovadas). (da Agência Brasil, Aline Leal)



Últimas

2020/05/27 » Opas: Américas são novo epicentro da covid-19
2020/05/27 » Governo libera mais R$ 28,7 bilhões para auxílio emergencial
2020/05/27 » Governo vai disponibilizar lista de quem recebeu auxílio emergencial
2020/05/26 » Ministério divulga diretrizes para construção de hospitais de campanha
2020/05/26 » EUA antecipam em dois dias restrição de viagens do Brasil
2020/05/26 » Aplicativos criados por alunos da UFF facilitam integração na pandemia
2020/05/22 » Receita inicia hoje consulta ao primeiro lote do Imposto de Renda
2020/05/22 » Receita lança aplicativo CPF Digital
2020/05/22 » Especialistas alertam sobre sintomas menos comuns da covid-19
2020/05/19 » Tabagismo e coronavírus são combinação catastrófica, diz fundação
2020/05/19 » Vacina para covid-19 mostra resultado promissor
2020/05/19 » Alívio no mercado externo faz dólar cair para R$ 5,72
2020/05/18 » Critérios e avaliações na recuperação de covid-19
2020/05/18 » Veja como será o pagamento da 2ª parcela do auxílio emergencial
2020/05/18 » Dataprev aprova auxílio emergencial para 8,3 milhões de brasileiros
2020/05/15 » Anistia Internacional lança campanha sobre grupos carentes no Brasil
2020/05/15 » Clientes podem acessar serviços públicos com senha do Banco do Brasil
2020/05/15 » Governo prorroga prazo de entrega da declaração do IR por dois meses
2020/05/14 » Confira pagamentos e tributos adiados ou suspensos durante pandemia
2020/05/14 » Com pandemia, 76% do setor industrial reduziu produção

Ver mais »