Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Camex retira sobretaxa de produtos relacionados às Olimpíadas de 2016 no Rio 05/08/2015

A Câmara de Comércio Exterior (Camex) do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior suspendeu os direitos antidumping – penalidade que corresponde à aplicação de sobretaxa – sobre a importação de produtos relacionados aos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2016, que serão sediados pelo Rio de Janeiro.

A Camex se reuniu ontem (4) à tarde e a decisão foi divulgada à noite, em nota do ministério. Medida semelhante foi tomada para a importação de produtos relacionados à Copa do Mundo de 2014 durante o mundial de futebol.

A decisão da Camex atendeu solicitação do Ministério dos Esportes e do Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos de 2016. A suspensão dos direitos antidumping fica em vigor até 31 de dezembro do ano que vem. Para se beneficiar da medida, as empresas interessadas em importar esses bens devem estar habilitadas na Receita Federal.

Os bens a serem importados para as Olimpíadas já contavam com algumas facilidades, previstas na lei nº 12.780 de 2013. São elas: isenção do Imposto de Importação, do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) e do Imposto para o Programa de Integração Social (PIS) e Contribuição para Financiamento da Seguridade Social (Cofins) no caso de importação. Entre os produtos que podem ser importados com isenção estão, por exemplo, troféus, medalhas, placas, estatuetas e bandeiras.

Durante a reunião de hoje da Camex, ministros discutiram, ainda, acordos internacionais do Brasil. O ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Armando Monteiro, disse à imprensa que o país tem buscado aproximação com os países da Aliança do Pacífico, citando como exemplo México, Colômbia e Peru . O ministro das Relações Exteriores, Mauro Vieira, que também participou do encontro, disse que a de troca de ofertas entre Mercosul e União Europeia, que negociam um acordo comercial, deve ocorrer no último trimestre deste ano.

Também participaram da reunião os ministros da Fazenda, Joaquim Levy  e do Desenvolvimento Agrário, Patrus Ananias, além de representantes da Casa Civil e dos ministérios do Planejamento e da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. (da Agência Brasil, Mariana Branco)



Últimas

2020/10/20 » Pacote comercial abre caminho para acordo mais amplo, diz governo
2020/10/20 » SP:acordo da ANTT permite investimento de R$ 6 bi em malha ferroviária
2020/10/20 » Como fazer a amortização do FGTS pelo celular
2020/10/19 » Comércio eletrônico e delivery aumentam consumo de embalagens
2020/10/19 » Doria apresenta plano de retomada econômica de São Paulo
2020/10/19 » Produção brasileira de aço cresce 7,5% em setembro
2020/10/16 » Indicador antecedente da economia brasileira cresce 1,2% em setembro
2020/10/16 » Atividade econômica tem alta de 1,06% em agosto, diz Banco Central
2020/10/16 » Rebanho bovino cresce em 2019, influenciado pelo cenário externo
2020/10/15 » Produção de motocicletas aumenta 13,1% em setembro
2020/10/15 » Ministério entrega à Presidência projeto de privatização dos Correios
2020/10/15 » Programa de suspensão de contrato e redução de jornada é prorrogado
2020/10/14 » Guedes defende reformas e rigor fiscal pós-pandemia a comitê do FMI
2020/10/14 » Caixa amplia margem do empréstimo consignado para 35%
2020/10/14 » Mercado eleva projeções para inflação e vê câmbio desvalorizado
2020/10/13 » FMI: mudança climática é ameaça significativa ao crescimento global
2020/10/13 » ONU pede que bancos deixem de financiar projetos de combustível fóssil
2020/10/13 » Custo da construção civil sobe 1,44% em setembro
2020/10/13 » Inflação oficial sobe para 0,64% em setembro
2020/10/09 » Conab prevê produção recorde de grãos na safra 2020/2021

Ver mais »