Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Custo de vida desacelera em SP e inflação calculada pelo Dieese fica em 0,06% 08/09/2015

O custo de vida na capital paulista aumentou 0,06%, em agosto, na comparação com o mês anterior, aponta levantamento do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). Em julho, a taxa ficou em 0,95%. Os itens que mais contribuíram para a formação do índice foram saúde (1,18%), educação e leitura (0,25%), transporte (-0,11%) e alimentação (-0,47%). Nos últimos 12 meses, o índice acumula alta de 10,05%. O impacto é maior para famílias de baixa renda, para as quais a inflação acumulada é 11,76%. Em 2015, a taxa acumulada está em 8,12%.

O aumento no grupo saúde deve-se ao acréscimo de 1,44% na assistência médica, por causa do reajuste dos seguros e convênios (1,51%) e consultas médicas (1,26%). Em seguida, estão os custos com educação e leitura, que se elevaram 0,25%. Os cursos formais tiveram acréscimo de 0,29%, devido ao aumento nos cursos pré-vestibular (2,74%) e universitário (0,57%). Esse dois grupos contribuíram 0,19 ponto percentual para elevação do Índice de Custo de Vida.

A queda de 0,11% no grupo transporte está relacionada à diminuição do custo do transporte individual (-0,2%), tendo vista que o combustível caiu 0,56%. No transporte coletivo (0,07%), o destaque foi o reajuste do ônibus interestadual (0,77%). O decréscimo na alimentação (-0,47%) foi puxado pelo comportamento do subgrupo produtos in natura e semielaborados que registrou taxa de -1,38%. Esses grupos tiveram impacto de negativo de 0,17 ponto percentual na formação do índice.

A batata ficou 14,83% mais barata em agosto, contribuindo para o recuo de 8,55% no item raízes e tubérculos do subgrupo produtos in natura e semielaborados. A cebola (-5,88%), a beterraba (-4,80%), a cenoura (-4,24%) e a mandioca (-3,04%) também tiveram redução nos preços. Nesta categoria, chamam atenção, ainda, pela baixa no custo, os itens grãos (-1,44%), hortaliças (-3,25%), frutas (-3,35%) e legumes (-5,83%). Leite in natura, aves e ovos e carnes apresentaram maior preço.

O Dieese calcula mais três indicadores de inflação, de acordo com três estratos de renda do paulistano. Em agosto, as famílias com menor nível de rendimento, estrato 1, a taxa ficou negativa em -0,05%. Para as que têm rendimento intermediário, a taxa ficou praticamente estável (0,01%). O impacto para as famílias de maior poder aquisitivo foi 0,13%. As taxas são menores do que as verificadas em julho: 1º estrato,1,33%); para o 2º estrato, 1,05%; e para o 3º estrato, 0,8%. (da Agência Brasil, Camila Maciel)



Últimas

2020/09/22 » Brasil terá cota adicional na exportação de açúcar aos EUA
2020/09/22 » Estudo brasileiro aponta que covid-19 pode causar danos cerebrais
2020/09/22 » Mercado financeiro reduz projeção de queda da economia para 5,05%
2020/09/21 » Turismo: metade das operadoras vende viagens para novembro e dezembro
2020/09/21 » Covid-19: maioria dos estados segue sem aulas presenciais
2020/09/21 » O que é o Sistema S?
2020/09/18 » Lei Geral de Proteção de Dados entra em vigor
2020/09/18 » Confiança do empresário do comércio tem alta recorde em setembro
2020/09/18 » IBGE: desemprego na pandemia atinge maior patamar em agosto
2020/09/18 » CNI apresenta propostas para retomada da economia
2020/09/18 » Abertura de empresas cresce, enquanto fechamento recua em 8 meses
2020/09/18 » Governo já desembolsou R$ 197 bilhões em auxílio emergencial
2020/09/17 » Entidades elogiam decisão do Copom de manter a Selic
2020/09/17 » Prefeitura de São Paulo adota home office permanente
2020/09/17 » PIB tem queda de 4% no trimestre encerrado em julho, aponta FGV
2020/09/16 » Petrobras quer vender mais ativos de exploração e produção
2020/09/16 » Saques no comércio com Pix começam no 2º trimestre de 2021
2020/09/16 » Concessionária da Malha Paulista e Norte-Sul antecipa outorgas
2020/09/15 » Confiança do empresário industrial cresce pelo quinto mês consecutivo
2020/09/15 » União pode quebrar se forem criados novos fundos, diz Guedes

Ver mais »