Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Aumento da arrecadação e redução de despesas levam a superávit primário em abril 26/05/2017

O aumento da arrecadação de tributos e a redução de despesas levaram ao resultado positivo nas contas públicas em abril. De acordo com dados divulgados hoje (26) pelo Banco Central (BC), União, estados e municípios tiveram superávit primário de R$ 12,908 bilhões, o melhor resultado para o mês de abril desde 2015 (R$ 13,445 bilhões). O superávit primário é a economia do governo para pagar os juros da dívida pública.

Segundo o chefe adjunto do Departamento Econômico do BC, Fernando Rocha, o resultado positivo é esperado em meses de abril, período com aumento na arrecadação de impostos. "Abril é um mês com sazonalidade favorável muito característica", disse.

Por outro lado, os gastos com juros subiram na comparação anual. Em abril deste ano, ficaram em R$ 28,331 bilhões, contra R$ 23,345 bilhões em igual mês de 2016. O aumento das despesas líquidas (descontadas as receitas) com juros foi influenciado pelos resultados com operações no mercado de câmbio futuro, chamadas de swaps cambiais. Em abril deste ano, o BC registrou perdas de R$ 600 milhões com essas operações. Em abril de 2016, houve ganho de R$ 12,3 bilhões. Quando há perdas nessas operações, os gastos líquidos com juros são maiores. Quando há ganhos, as despesas ficam menores.

Com o resultado maior com juros em abril, o déficit nominal – formado pelo resultado primário e os resultados de juros – ficou em R$ 15,423 bilhões em abril deste ano, contra R$ 13,163 bilhões registrados em igual mês de 2016.

Acumulado

Apesar dos resultados positivos registrados em janeiro (R$ 36,712 bilhões) e em abril, o resultado das contas públicas no ano é negativo. De janeiro a abril, o setor público teve déficit primário de R$ 15,106 bilhões, maior do que o registrado em igual período de 2016, quando houve déficit de R$ 4,411 bilhões. (da Agência Brasil, Kelly Oliveira)



Últimas

2020/07/09 » Novo site simplifica adesão ao acordo dos planos econômicos
2020/07/09 » Sebrae: cresce interesse por cursos a distância para empreender
2020/07/09 » Pandemia causou impacto em 57% das companhias exportadoras, revela CNI
2020/07/09 » Estimativa de junho prevê safra recorde de 247,4 milhões de toneladas
2020/07/09 » MEC anuncia que Enem será em 17 e 24 de janeiro de 2021
2020/07/08 » Confira pagamentos e tributos adiados ou suspensos durante pandemia
2020/07/08 » Câmara aprova MP que suspende cumprimento mínimo de dias letivos
2020/07/08 » Câmara aprova MP que permite reembolso de passagem aérea em até um ano
2020/07/08 » Covid-19: Senado aprova indenização a profissional afetado pela doença
2020/07/07 » Bolsonaro sanciona MP que criou programa de manutenção do emprego
2020/07/07 » Tecnologias da Embrapa ajudam Ceará a dobrar produção de algodão
2020/07/07 » Com aumento de mortes, Miami volta a fechar restaurantes
2020/07/06 » Saiba como estão os planos de retomada econômica em cada estado
2020/07/06 » Saiba como funcionam os testes para detectar a covid-19
2020/07/06 » Caixa deposita saque emergencial do FGTS para nascidos em fevereiro
2020/07/03 » Com digitalização de salas de aula, pandemia acentua exclusão escolar
2020/07/03 » Conheça resultado do maior estudo sobre a covid-19 no Brasil
2020/07/03 » Rendimento médio de brasileiros cai a 82% em maio devido à covid-19
2020/07/02 » Califórnia fecha bares e restaurantes na maior parte do estado
2020/07/02 » Isolamento social pode agravar castigos e palmadas, diz pesquisa

Ver mais »