Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Exportação da indústria paulista cresce 11,8% no semestre, aponta Fiesp 24/07/2017

A balança comercial do estado de São Paulo apresentou superávit de US$ 2,9 bilhões nos primeiros seis meses deste ano. Houve crescimento de 11,8% nas exportações (US$ 28,7 bilhões) e de 4% nas importações (US$ 25,8 bilhões), em relação ao mesmo período em 2016. Os dados são da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp).

No estado, o município de São José dos Campos foi líder em exportações, com US$ 4,3 bilhões entre janeiro e junho, avanço de 48% ante o mesmo período no ano passado. Foram exportados combustíveis minerais, óleos minerais e produtos da sua destilação, matérias betuminosas, ceras minerais, aeronaves e aparelhos espaciais. As importações somaram R$ 1,2 bilhão, recuo de 45,9% contra os primeiros meses de 2016.

Na segunda posição do ranking está a capital paulista com US$ 3,9 bilhões, queda de 10% ante o semestre em 2016. São Paulo exportou, especialmente, açúcares e produtos de confeitaria (32,1% do total vendido). Na importação, a capital ficou em primeiro lugar no estado, com aumento de 11,2% no setor de máquinas, aparelhos e materiais elétricos.

Santos ficou com o terceiro lugar em exportações com US$ 2,4 bilhões, equivalente a 18,9% de alta. Foram destaque açúcares e produtos de confeitaria (36,5%). As importações totalizaram US$ 541,2 milhões, aumento de 50,2% sobre o primeiro semestre de 2016. Santos conquistou o segundo maior superávit da balança comercial entre os municípios, com US$ 1,9 bilhão, 12,1% superior ao mesmo período do ano passado.

Para o diretor do Departamento de Relações Internacionais e Comércio Exterior (Derex) da Fiesp, Thomaz Zanotto, o aumento das exportações tem relação com o Plano Nacional de Exportações (PNE), mecanismos de financiamento às exportações e atividades da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex). Também contribuíram a previsibilidade da taxa de câmbio e a safra recorde da agricultura. (da Agência Brasil, Fernanda Cruz)



Últimas

2020/12/02 » CNI: produtividade do trabalho na indústria cresce 8% no 3º trimestre
2020/12/02 » Balança comercial registra superávit de US$ 3,73 bi em novembro
2020/12/02 » CNA prevê aumento da produção do agronegócio no próximo ano
2020/12/02 » População desocupada atinge 13,76 milhões em outubro
2020/12/01 » Ipea: investimentos têm alta de 3,5% em setembro
2020/12/01 » Contas públicas registram saldo positivo após oito meses de déficit
2020/12/01 » Estimativa do mercado financeiro para a inflação sobe para 3,54%
2020/11/30 » ANP retoma a 17ª Rodada de Licitações
2020/11/30 » Corretoras poderão atuar com pagamentos de boletos a partir de janeiro
2020/11/30 » Confiança da indústria atinge maior valor em dez anos, diz FGV
2020/11/30 » Fiscalização do Procon-SP registra infração em 70% de lojas visitadas
2020/11/30 » Taxa de desemprego passa de 13,3% para 14,6% no terceiro trimestre
2020/11/30 » Inflação do aluguel sobe e acumula 24,52% em 12 meses
2020/11/27 » Volta de cobrança do IOF sobre crédito renderá cerca de R$ 2 bi
2020/11/27 » Indústrias do Mercosul e da UE pedem urgência para acordo comercial
2020/11/27 » Indústria paulista mantém expansão no ano apesar de queda em outubro
2020/11/26 » Expectativa de vida no Brasil sobe para 76,6 anos em 2019
2020/11/26 » Campos Neto: Pix vai gerar inclusão e reduzir custos para população
2020/11/26 » Vendas de máquinas e equipamentos têm alta de 16% em outubro
2020/11/25 » Anatel prevê leilão do 5G no final do primeiro semestre de 2021

Ver mais »