Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Liberação de voos semanais entre Brasil e EUA é benéfico para o setor, diz Abav 24/12/2017

O acordo que altera o limite de voos semanais entre Brasil e Estados Unidos, aprovado nesta semana pela Câmara dos Deputados, pode beneficiar o turismo no país, segundo o presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagem (Abav), Carlos Palmeira. O Projeto de Decreto Legislativo (PDC) 424/16, ilimita a quantidade de voos oferecidos pelas companhias aéreas e prevê a abertura de novas rotas, que passam a ser livres.

"A medida é benéficas para o setor. Esse tipo de ação amplia o número de oferta de voos e, consequentemente, na redução de preços das tarifas. Entendo essa aprovação da Câmara como extremamente benéfica para todo o turismo nacional”, afirmou.

Levantamento da Associação Internacional de Transporte Aéreo (Iata, sigla em inglês) mostra que o número de passageiros em rotas internacionais com origem ou destino no Brasil pode aumentar 47% após a ratificação do chamado "céus abertos".

Atualmente, são permitidos no máximo 301 voos semanais entre os dois países. O acordo prevê que as receitas obtidas com o serviço prestado no outro país poderão ser remetidas à sede sem taxas e encargos adicionais além dos cobrados pelos bancos.

O regime de preços livres, criação de novos itinerários e a oferta de code-share (acordo de cooperação pelo qual uma companhia aérea transporta passageiros cujos bilhetes tenham sido emitidos por outra companhia), é um dos artigos que está previsto no texto e que já está vigorando.

Aprovado em votação simbólica, o Projeto de Decreto Legislativo (PDC) 424/16 segue para o Senado e ainda depende de sanção do presidente da República, Michel Temer.

Para o o ministro do Turismo, Marx Beltrão, é importante reduzir os entraves burocráticos que impedem o fortalecimento e o avanço do turismo brasileiro. "Estamos confiantes que o Senado também faré uma leitura positiva em relação a esse tema”, disse.

Aprovado em votação simbólica, o Projeto de Decreto Legislativo (PDC) 424/16 segue para o Senado e ainda depende de sanção do presidente da República, Michel Temer. (da Agência Brasil, Júlia Buonafina)



Últimas

2018/01/19 » Governo de SP antecipa mais uma vez campanha de vacinação contra febre amarela
2018/01/19 » Conab estima produção de café em 2018 entre 21% e 30% superior ao ano passado
2018/01/19 » Sebrae e parlamentares querem derrubar veto ao Refis de micro e pequena empresa
2018/01/18 » Camex não aplicará medidas protetivas na importação de aço da China e Rússia
2018/01/18 » Publicadas novas regras para a Rais 2017; entrega começa dia 23 de janeiro
2018/01/18 » Inflação do aluguel acumula queda de 0,34% em 12 meses
2018/01/17 » Cai percepção de piora da economia entre comerciantes
2018/01/17 » Indústria paulista fecha 35 mil vagas em 2017, menor patamar desde 2011
2018/01/17 » Febre amarela leva Mairiporã a decretar situação de calamidade pública
2018/01/17 » Intenção de consumo das famílias aumenta quase 10% em janeiro, diz CNC
2018/01/17 » Balança comercial tem superávit recorde em 2017 e atinge US$ 67 bilhões, diz FGV
2018/01/17 » Anac passa a divulgar ranking de satisfação de usuários de empresas aéreas
2018/01/16 » Com US$ 96 bilhões, exportações do agronegócio têm aumento de 13% em 2017
2018/01/16 » Aumenta a oferta de emprego na indústria brasileira, diz CNI
2018/01/16 » Governo antecipa uso de vacina fracionada contra a febre amarela em São Paulo
2018/01/16 » OMS considera estado de São Paulo área de risco para febre amarela
2018/01/16 » IGP-10 registra inflação de 0,79% em janeiro
2018/01/16 » Ibovespa tem novo recorde e alcança 79.752 pontos
2018/01/15 » Balança tem superávit de US$ 1,4 bilhão nas duas primeiras semanas do ano
2018/01/15 » Mercado projeta inflação de 3,95% e crescimento do PIB de 2,7%, em 2018

Ver mais »