Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Milhões de jovens trabalham, mas vivem na pobreza, revela OIT 31/10/2006

O relatório Tendências Mundiais do Emprego Juvenil 2006 afirma que há no mundo 1,1 bilhão de jovens entre 15 e 24 anos. Destes, um em cada três estão buscando trabalho sem êxito, abandonaram a busca ou estão empregados, mas ganham menos de US$ 2 por dia.

Pesquisas indicam que a população juvenil cresceu 13,2% entre 1995 e 2005, mas a quantidade de empregos aumentou somente 3,8%. De acordo com o estudo, a possibilidade de um jovem ficar desempregado é o triplo da possibilidade de um adulto.

A OIT estima que sejam necessários 400 milhões de empregos em todo o mundo para aproveitar o potencial da juventude. “A juventude ociosa custa muito”, diz o relatório, afirmando que a impossibilidade de encontrar emprego gera nos jovens sensação de vulnerabilidade e inutilidade.

Segundo o diretor-adjunto da OIT no Brasil, José Carlos Ferreira,  ao enfrentar o mercado de trabalho, o jovem sofre três tipos de resistência: resistência em função do nível educacional baixo, falta de formação técnica exigida pelo mercado e baixo nível social. “É fundamental que esses jovens tenham um apoio, uma mão que lhes seja estendida para conseguir o primeiro emprego. Quanto mais difícil a situação social do jovem, mais difícil a sua inserção no mercado de trabalho”, disse.

A taxa de desemprego mais elevada foi encontrada na região do Oriente Médio e África do Norte, com 25,7%.  A Europa Central e o Leste Europeu (fora da União Européia) e a Comunidade Européia têm a segunda maior taxa, 19,9%. A África subsaariana apresentou 18,1% de desemprego juvenil, seguida pela América Latina e Caribe, com 16,6%.

A região das economias industrializadas e a União Européia foram as únicas que apresentaram queda no desemprego juvenil nos últimos dez anos, fator atribuído à menor participação dos jovens na força de trabalho. Apesar disso, a pobreza persiste em cerca de 56% dos jovens trabalhadores no mundo.

 

 

 

Agência Brasil - Irene Lobo

 

 

 



Últimas

2020/08/10 » Sem título
2020/08/10 » SP ultrapassa 25,1 mil mortes causadas por covid-19
2020/08/10 » Como é feita média móvel de casos de covid-19
2020/08/07 » MP destina R$ 1,99 bilhão para viabilizar vacina contra covid-19
2020/08/07 » Cursos de qualificação profissional têm alta demanda na pandemia
2020/08/07 » Senai ensina indústrias a produzirem EPI contra novo coronavírus
2020/08/06 » Bolsonaro sanciona lei de negociação de dívidas das micro empresas
2020/08/06 » Baixa inflação permitiu corte nos juros, avaliam entidades
2020/08/06 » Copom reduz juros básicos da economia para 2% ao ano
2020/08/05 » Dezenas de empresas aderem à Semana Brasil 2020
2020/08/05 » Semana Brasil terá edição 2020 e deve ajudar na retomada da economia
2020/08/05 » Governo de Osaka planeja estudar eficácia de gargarejo no combate ao coronavírus
2020/08/04 » BNDES seleciona fundos de crédito não bancário para pequenas empresas
2020/08/04 » Balança comercial tem superávit recorde de US$ 8,06 bilhões em julho
2020/08/04 » Governo economiza R$ 466 milhões com a máquina pública na pandemia
2020/08/03 » Japonesa Seven & i Holdings pagará US$ 21 bilhões pela rede americana Speedway
2020/08/03 » Fábricas de veículos no Japão retornam gradualmente à produção normal
2020/08/03 » Covid-19: OMS prevê que pandemia durará muito tempo
2020/08/03 » Confira pagamentos e tributos adiados ou suspensos durante a pandemia
2020/07/31 » Auxílio emergencial elevou em 24% renda pré-pandemia, mostra pesquisa

Ver mais »