Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Balança comercial mantém crescimentos 24/11/2006

Brasília, 24/11/-2006 - A balança comercial brasileira, em novembro, até a terceira semana, segue em ritmo de crescimento. Do lado das exportações, a média diária de US$ 598,3 milhões é 16,8% maior, e nas importações, a média de US$ 418,3 milhões está 33,9% acima, ambas comparadas com novembro do ano passado.

No resultado parcial do mês, as vendas para o mercado externo atingem US$ 6,929 bilhões, e as compras do mercado internacional, US$ 4,945 bilhões, resultam em um saldo positivo (exportação menos importação) de US$ 1,984 bilhão. Somente na terceira semana, as exportações acumulam US$ 2,393 bilhões, e as importações US$ 1,673 bilhões, gerando um superávit de US$ 720 milhões.

O destaque das exportações, com crescimento de 16,8% sobre novembro/2005, foi verificado nas três categorias de produtos: semimanufaturas (+29%), principalmente, alumínio em bruto, couros e peles, e açúcar em bruto), manufaturas (+15,6%), principalmente, açúcar refinado, álcool etílico e hidrocarbonetos) e básicos (+13,9%), principalmente, milho em grão, carne bovina, suína e de frango). Em relação ao mês de outubro/2006, o aumento de 4,5%, também foi verificado em todas as categorias.

Do lado das importações, a média de novembro, até a terceira semana, cresceu 33,9% sobre novembro de 2005, devido, principalmente ao aumento nos gastos com cobre e obras (+139,6%), combustíveis e lubrificantes (+64,4%), e adubos e fertilizantes (+51,6%). Se comparado com outubro passado, cujo crescimento ficou em 8%, os destaques foram para combustíveis e lubrificantes (+26,2%), cobre e suas obras (+23,4%), e farmacêuticos (+16,85).

No ano, as vendas para o mercado externo atingem US$ 120,302 bilhões, valor 16,2% maior que no mesmo período do ano passado. Já nas compras do mercado internacional, com US$ 80,427 bilhões, o crescimento chega a 24,8%. Com isso, o saldo acumulado chega a US$ 39,875 bilhões. Para 2006, a estimativa do MDIC é que o saldo comercial alcance US$ 44 bilhões, com exportações no valor de US$ 135 bilhões, superando as importações estimadas em US$ 91 bilhões.
Fonte: Apex


Últimas

2019/10/18 » Bolsonaro assina lei para repartir dinheiro de leilão de petróleo
2019/10/18 » Setembro tem a maior criação de emprego formal para o mês desde 2013
2019/10/18 » IGP-M acumula inflação de 3,33% em 12 meses
2019/10/18 » Índice de Confiança do Empresário Industrial fica estável pelo 3º mês
2019/10/18 » São Paulo é o primeiro em três itens de ranking de competitividade
2019/10/18 » Leilão de energia movimenta R$ 44 bilhões em nove estados
2019/10/16 » PIB tem alta de 0,6% no trimestre encerrado em agosto, diz FGV
2019/10/16 » Dia Mundial da Alimentação destaca valor da refeição saudável
2019/10/16 » Mais de 1 milhão de estudantes já visualizaram o cartão do Enem
2019/10/15 » Publicado decreto que regulamenta o trabalho temporário
2019/10/15 » Governo libera R$ 7,27 bi do Orçamento com recursos do petróleo
2019/10/15 » Nova cota para compras em free shops começa em 2020, diz presidente
2019/10/14 » Atividade econômica cresce 0,07% em agosto no Brasil
2019/10/14 » Nobel de Economia premia trio pelo combate à pobreza no mundo
2019/10/14 » Mercado financeiro reduz estimativa de inflação para 3,28% em 2019
2019/10/11 » BC dá aval para Cadastro Positivo começar a funcionar
2019/10/11 » CNI diz que PIB crescerá 0,9% este ano
2019/10/11 » Tratamento de médicos da USP faz desaparecer células de linfoma
2019/10/11 » Setor de serviços recua 0,2% de julho para agosto
2019/10/11 » Governo vai dobrar limite de compras em free shops

Ver mais »