Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Lideranças do PMDB acertam entrada do partido no governo Lula 29/11/2006

Brasília, 28/11/2006 - Lideranças de diferentes correntes peemedebistas acertaram hoje (28) num almoço na residência do presidente do partido, deputado Michel Temer (SP), o ingresso do PMDB no governo de coalizão buscado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva para o seu segundo governo. A decisão deverá ser homologada na quinta-feira na reunião do Conselho Político do partido, confirmaram os peemedebistas que participaram do apoio.

Participaram deste encontro o presidente do Senado, Renan Calheiros (AL); o ex-presidente da República e senador, José Sarney (AP); o ex-governador de São Paulo, Orestes Quércia; o deputado Geddel Vieira Lima (BA); e os governadores reeleitos do Amazonas, Eduardo Braga, e do Espírito Santo, Paulo Hartung. “Quinta-feira vamos ter a reunião do conselho (político) e esperamos que nesta reunião saia a decisão de apoiar formalmente o governo do presidente Lula para uma coalizão entre o nosso partido e os partidos da base de sustentação do governo”, afirmou José Sarney.

O senador reconheceu que existem quadros peemedebistas que são contrários a formalização do apoio peemedebistas ao governo Lula. Acrescentou, entretanto, que estas divergências “não são capazes de abalar a unidade do partido”. Sarney ressaltou que o apoio do PMDB ao governo “representa uma tranqüilidade para o governo porque não só é um grande partido como, também, um partido de quadros, de homens experientes que podem contribuir bastante para a governabilidade, para a formulação das políticas públicas e para a discussão do programa do governo”.

Já Renan Calheiros afirmou que “nestas conversas o PMDB está exercitando o seu consenso”. No mesmo discurso de Sarney, o presidente do Senado disse que a busca deste consenso permitirá ao partido ajudar na governabilidade do presidente Lula e na definição de políticas públicas. “O PMDB quer cumprir fundamentalmente este papel”.

O presidente do partido, Michel Temer, disse que “todos os participantes desta reunião concordaram com esta hipótese (formalização da entrada do partido na coalizão de governo) exata e precisamente para que o partido como um todo se manifestasse e não apenas parte dele”. Já o ex-governador Orestes Quércia acrescentou que, oficializada a decisão pelo conselho, uma comissão de peemedebistas comunicará o fato ao presidente Lula tão logo ele retorne da viagem à África.

 

 

 

Agência Brasil - Marcos Chagas

 

 

 

 

 



Últimas

2020/03/30 » Senado vota hoje auxílio de R$ 600 para autônomos e informais
2020/03/30 » Coronavírus: BNDES anuncia R$ 2 bilhões de crédito para área da saúde
2020/03/30 » Governo obtém do STF aval para adotar medidas contra o coronavírus
2020/03/27 » Governo anuncia linha de crédito a pequenas e médias empresas
2020/03/27 » Aviões voltam a atender a capitais e outras 19 cidades brasileiras
2020/03/27 » Ministro do STF volta a negar suspensão de MP do contrato de trabalho
2020/03/26 » Japoneses começam a usar a tecnologia 5G
2020/03/26 » Coronavírus derruba ações na Bolsa de Tóquio
2020/03/26 » Japão pode liberar US$ 503 bilhões contra efeitos do coronavírus
2020/03/26 » Japão eleva alerta de viagens para o mundo inteiro
2020/03/25 » Governo define medidas contra covid-19 na assistência social
2020/03/25 » Aneel suspende por 90 dias cortes no fornecimento de energia elétrica
2020/03/25 » EUA pedem que cidadãos norte-americanos deixem o Brasil
2020/03/24 » Covid-19: Brasil tem 46 mortes e mais de 2 mil casos confirmados
2020/03/24 » Empresários pedem a Toffoli segurança jurídica durante pandemia
2020/03/24 » Ministério recomenda adiar vacinação de crianças contra a gripe
2020/03/24 » Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio são adiados
2020/03/23 » MP permite suspensão do contrato de trabalho por até quatro meses
2020/03/23 » BC adota medidas para injetar R$ 30 bilhões na economia
2020/03/23 » EUA anunciam novas medidas para combater efeitos da covid-19

Ver mais »