Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Projeção de analistas para inflação fica abaixo de 4% pela primeira vez no ano 12/02/2007

 

Brasília, 12/02/2007 - Pela primeira vez no ano, a expectativa de inflação no ano se apresenta abaixo de 4%. Pesquisa do Banco Central, realizada com uma centena de analistas de mercado e de instituições financeiras, na última sexta-feira (9), indica que o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) deve fechar o ano em 3,97%, contra estimativa de 4,07% na pesquisa anterior.

 

O Boletim Focus, divulgado hoje (12) pelo BC com o resultado da pesquisa, mostra que a perspectiva de IPCA para este mês caiu de 0,48% para 0,46%, e para março a projeção é de inflação bem menor, em torno de 0,30%. Essas expectativas puxaram para baixo também a projeção de inflação nos próximos 12 meses: de 3,98%, na semana passada, para 3,95% agora.

Houve inversão, contudo, nos cálculos de inflação dos preços no varejo, na capital paulista. A estimativa para o Índice de Preços ao Consumidor, medido pela Fundação Instituto de Pesquisa Econômica (IPC-Fipe) da Universidade de São Paulo (USP), que na pesquisa anterior indicava 3,97% agora passa para 4%. Vale lembrar que quase sempre a estimativa do IPC-Fipe tem sido menor que a projeção do IPCA (parâmetro para as correções oficiais).

A perspectiva também é de queda nos preços administrados por contrato ou monitorados (combustíveis, energia elétrica, telefonia, saneamento, medicamentos, educação, transporte urbano e outros). A pesquisa da semana passada indicava reajustes acumulados de 4% para esses preços, em 2007, mas a estimativa caiu para 3,80% na pesquisa atual.

A pesquisa do BC também revela redução na expectativa de preços no atacado. Os dois indicadores pesquisados pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) mostram inflação mais alta que no varejo, mas em queda. O Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI) caiu de 4,25% para 4,13% na comparação semanal, e o Índice Geral de Preços do Mercado (IGP-M) cedeu de 4,25% para 4,10%.

 

 

 

 

 

Agência Brasil - Stênio Ribeiro

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



Últimas

2020/11/26 » Expectativa de vida no Brasil sobe para 76,6 anos em 2019
2020/11/26 » Campos Neto: Pix vai gerar inclusão e reduzir custos para população
2020/11/26 » Vendas de máquinas e equipamentos têm alta de 16% em outubro
2020/11/25 » Anatel prevê leilão do 5G no final do primeiro semestre de 2021
2020/11/25 » Mercado de capitais analisa critérios socioambientais de empresas
2020/11/25 » Pix tem quase 4,4 milhões de portabilidade de chaves
2020/11/24 » Maioria dos reajustes até outubro teve ganhos reais, diz Dieese
2020/11/24 » Mercado aumenta previsão de inflação e prevê queda menor do PIB
2020/11/24 » Guedes anuncia que vai para o "ataque" com privatizações e reformas
2020/11/23 » Mais de 60% dos internautas no país usam serviços públicos digitais
2020/11/23 » Guia de financiamento ajuda empresas interessadas em sustentabilidade
2020/11/23 » Em reunião do G20, Guedes diz que recuperação do Brasil surpreende
2020/11/20 » Economia cresceu 7,5% do segundo para o terceiro trimestre, diz FGV
2020/11/20 » Produção e empregos estão em alta na indústria, diz CNI
2020/11/20 » Confiança do empresário do comércio sobe 4,1% em novembro, diz CNC
2020/11/18 » Aumento de exportações industriais traria R$ 376 bi para economia
2020/11/18 » Quase dois terços das indústrias esperam faturar mais em 2021
2020/11/18 » Brics apoia candidatura do Brasil para Conselho de Segurança da ONU
2020/11/17 » Pix terá pagamentos programados e troco em dinheiro
2020/11/17 » PagTesouro começa a disponibilizar Pix como forma de pagamento

Ver mais »