Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Analistas ouvidos pelo BC melhoram expectativa de saldo comercial 12/03/2007

 

Brasília, 12/03/2007 - O saldo da balança comercial - a diferença entre as exportações e as importações - deste ano deve ficar em torno de US$ 39,30 bilhões, de acordo com cálculos de analistas de mercado e de instituições financeiras consultados pelo Banco Central na última sexta-feira (9). A pesquisa deu origem ao Boletim Focus, divulgado hoje (12) pelo banco.

A projeção de saldo comercial, que era de US$ 39 bilhões na pesquisa anterior, foi revista pelos analistas, por causa do aumento da cotação internacional de alguns minérios e de preços agrícolas, como soja e trigo. A expectativa de saldo positivo para o ano que vem foi mantida em US$ 35,50 bilhões.

Os números da balança comercial permitem estimativa de US$ 8 bilhões, neste ano, para o saldo de conta corrente, que envolve todas as transações comerciais e financeiras do país com o exterior. A perspectiva para o saldo de conta corrente, no ano que vem, caiu de US$ 4,70 bilhões para US$ 4,50 bilhões.

A pesquisa aumentou a projeção de 2007 para a entrada de investimento estrangeiro direto (IED) no setor produtivo de US$ 17,45 bilhões para US$ 18 bilhões, e mantém o patamar em 2008. Também houve leve correção, de R$ 2,14 para R$ 2,15, na cotação do dólar norte-americano no final do ano (R$ 2,22 no final de 2008), enquanto os demais indicadores permaneceram estáveis.

A projeção deste ano para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), soma das riquezas produzidas no país, está mantida em 3,5% há 28 semanas, e deve se repetir no próximo ano, nos cálculos dos analistas de mercado, mesmo após o lançamento do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), que tramita no Congresso Nacional.

Os especialistas consultados pelo BC estimam que a relação entre dívida líquida do setor público e PIB deve encerrar este ano em 48,84%, com possibilidade de cair para 47% no final de 2008. A pesquisa do BC também projeta que a taxa básica de juros (Selic) deve cair dos atuais 12,75% ao ano, gradualmente, nas seis reuniões que o Comitê de Política Monetária (Copom) terá até o final de 2007, de modo a encerrar este ano em torno de 11,50%, com possibilidade de cair para 10,50% ao longo de 2008.

 

 

 

 

Agência Brasil - Stênio Ribeiro

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



Últimas

2020/12/04 » Receita Federal e Banco do Brasil iniciam arrecadação com Pix
2020/12/04 » Desentendimento político interrompe reforma tributária, diz Guedes
2020/12/04 » Pix tem 100 milhões de chaves registradas
2020/12/03 » Concessões de aeroportos, rodovias, portos e ferrovias entram no PPI
2020/12/03 » PPI tem 115 ativos para leilões e projetos de concessão em 2021
2020/12/03 » Venda de veículos automotores aumenta 0,45% de outubro para novembro
2020/12/03 » Produção industrial cresceu 1,1% em outubro, diz IBGE
2020/12/02 » CNI: produtividade do trabalho na indústria cresce 8% no 3º trimestre
2020/12/02 » Balança comercial registra superávit de US$ 3,73 bi em novembro
2020/12/02 » CNA prevê aumento da produção do agronegócio no próximo ano
2020/12/02 » População desocupada atinge 13,76 milhões em outubro
2020/12/01 » Ipea: investimentos têm alta de 3,5% em setembro
2020/12/01 » Contas públicas registram saldo positivo após oito meses de déficit
2020/12/01 » Estimativa do mercado financeiro para a inflação sobe para 3,54%
2020/11/30 » ANP retoma a 17ª Rodada de Licitações
2020/11/30 » Corretoras poderão atuar com pagamentos de boletos a partir de janeiro
2020/11/30 » Confiança da indústria atinge maior valor em dez anos, diz FGV
2020/11/30 » Fiscalização do Procon-SP registra infração em 70% de lojas visitadas
2020/11/30 » Taxa de desemprego passa de 13,3% para 14,6% no terceiro trimestre
2020/11/30 » Inflação do aluguel sobe e acumula 24,52% em 12 meses

Ver mais »