Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Amorim diz que não houve assuntos tensos na reunião entre Lula e George Bush 03/04/2007

 

Brasília, 2/04/2007 - O ministro das relações Exteriores, Celso Amorim, negou hoje (2) que alguns assuntos tenham sido motivo de tensão no encontro dos presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e George Bush, no último sábado (31), em Camp David, Estados Unidos.

Segundo Amorim, os dois presidentes sequer abordaram assuntos polêmicos, como a situação do Irã e a atuação da Petrobrás na região. "Por uma estratégia de buscar enfatizar o positivo, este tema, onde havia uma diferença, não foi abordado e, muito menos, objeto de qualquer tipo de pressão com relação a nós", afirmou.

Para Amorim, foi uma visita "muito substantiva" de trabalho. "Foi, sem dúvida alguma, uma das visitas mais importantes entre chefes de estado, envolvendo um chefe de estado brasileiro, que já pude testemunhar”, disse o ministro a jornalistas. O encontro de Lula e Bush, na casa de campo do presidente norte-americano, durou quase seis horas.

Amorim afirmou que nem mesmo a reforma do Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) gerou tensão entre os mandatários. Em entrevista coletiva após a reunião, nos Estados Unidos, Lula afirmou que este é o tema em que há maiores divergências entre os dois países. Apesar disso, em declaração conjunta divulgada sábado, Lula e Bush reafirmaram a importância da reforma da ONU e comprometeram-se a manter estreita coordenação sobre a reforma do Conselho de Segurança. “Houve uma determinação de buscarmos uma convergência”, revelou Amorim – o tema será tratado por ele e pela secretária de Estado norte-americana, Condoleezza Rice.

Na avaliação de Amorim, a declaração conjunta dos dois presidentes mostra o aprofundamento do diálogo estratégico entre Brasil e Estados Unidos. O ministro destaca os avanços na chamada cooperação trilateral, envolvendo Brasil, Estados Unidos e terceiros países. Brasil e Estados Unidos definiram quatro países para realização de projetos -piloto na produção de biocombustíveis: Haiti, República Dominicana, São Cristóvão e Nevis e El Salvador.

Também comprometeram-se a atuar em conjunto para o fortalecimento do Poder Legislativo de Guiné-Bissau - Memorando de Cooperação neste sentido foi assinado em 30 de março. Lula e Bush anunciaram, ainda, compromisso de cooperar para a erradicação da malária em São Tomé e Príncipe e no combate à malária, à tuberculose e outras doenças em países africanos de língua portuguesa, como Angola e Moçambique. Além disso, propuseram-se a enfrentar a ameaça da gripe aviária, tendo como base a experiência de cooperação no combate à aids em Moçambique e em Angola.

Outro tema mencionado na declaração conjunta foi o aprofundamento da cooperação multilateral no Haiti, de forma a apoiar a estabilidade e o desenvolvimento econômico do país. No âmbito nas relações bilaterais, Lula e Bush comprometeram-se a redobrar os esforços em andamento para a conclusão de um acordo sobre a dupla tributação. A expectativa é de que o acordo sobre intercâmbio de informações relativas a tributos - assinado no dia 20 de março, em Brasília - seja o primeiro passo para a cooperação entre a Secretaria da Receita Federal e o Internal Revenue Service.

 

 

 

 

 

Agência Brasil - Mylena Fiori

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



Últimas

2020/02/21 » Polícia Rodoviária Federal inicia Operação Carnaval nesta sexta-feira
2020/02/21 » Escolas de samba movimentam economia durante todo ano no Rio
2020/02/20 » Banco Central injeta R$ 135 bilhões na economia
2020/02/20 » Programa para fazer Declaração do Imposto de Renda já está disponível
2020/02/20 » Prévia da inflação oficial fica em 0,22% em fevereiro
2020/02/19 » Comissão Europeia quer criar mercado único de dados
2020/02/19 » Confiança da indústria cai em fevereiro depois de 3 altas seguidas
2020/02/19 » Confiança da indústria cresce 0,7 ponto na prévia de fevereiro
2020/02/18 » Economia segue em processo de recuperação gradual, diz BC
2020/02/18 » FGV: economia brasileira cresceu 1,2% em 2019
2020/02/18 » Rodovias terão estabelecimentos regulamentados para motoristas
2020/02/17 » Associação alerta motoristas sobre riscos no trânsito durante carnaval
2020/02/17 » Estimativa do mercado financeiro para inflação cai para 3,22%
2020/02/17 » Começam a valer medidas da Caixa para estimular construção civil
2020/02/14 » Atividade econômica cresce 0,89% em 2019
2020/02/14 » Cerca de 25% dos desempregados procuram emprego há mais de dois anos
2020/02/14 » Taxa de desemprego cai em 16 estados, revela IBGE
2020/02/13 » Abate de bovinos cai e o de suínos e frangos sobe no último trimestre
2020/02/13 » Setor de Serviços fecha 2019 com crescimento de 1%
2020/02/13 » Coronavírus: subida exponencial de mortes e casos. O que mudou?

Ver mais »