Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Cartão BNDES registra aumento de 277% nos financiamentos de empresas do setor de moda 14/01/2009

 

Rio de Janeiro, 13/01/2009 - As micro, pequenas e médias empresas do setor de moda estão entre as que mais se destacaram no desembolso de recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) no ano passado. Elas realizaram 2.185 operações no valor de R$ 29,1 milhões, contra 635 operações em 2007, que somaram R$ 7,7 milhões. Um crescimento de 277%.

“A indústria da moda é uma indústria muito importante para nós porque é grande geradora de emprego. E o banco tem vários produtos para esse segmento. Entre eles, o Cartão BNDES, para as micro e pequenas empresas”, disse o chefe interino do departamento de Políticas de Comunicação do BNDES, Sérgio Carijó.

Segundo Sérgio Carijó, o Cartão BNDES foi o principal instrumento usado pelos empresários do setor na compra de insumos e equipamentos utilizados na indústria de confecção. O cartão é uma linha de crédito rotativo, pré-aprovado, para compra, pela internet, de máquinas e insumos que disponibiliza, no momento, mais de 100 mil produtos.

A linha de financiamento tem limite de até R$ 250 mil por cartão emitido e taxa de juros atual de 1,13% ao mês. O pagamento é feito em até 36 parcelas fixas. Ele revelou que o banco possui ainda outras linhas de financiamento para a indústria têxtil e de confecção, que incluem o BNDES Automático, Finame e linhas de crédito para exportação.

De acordo com informação da assessoria de imprensa do BNDES, os desembolsos destinados à produção têxtil somaram R$ 954 milhões no ano passado. Em 2007, as liberações para o setor alcançaram R$ 301 milhões. Para o segmento de confecção de vestuário e acessórios, os recursos financiados pelo banco totalizaram R$ 394 milhões em 2008, contra R$ 108 milhões no ano anterior.

Pelo terceiro ano consecutivo, o BNDES patrocina a bolsa de negócios da moda Fashion Rio, feira de moda que está sendo realizada na Marina da Glória, no Rio de Janeiro. “É uma experiência muito boa para o banco, tanto que já é o terceiro ano de apoio ao Fashion Business, disse Sérgio Carijó. (Agência Brasil - Alana Gandra)



Últimas

2019/11/14 » Atividade econômica cresce 0,91% no terceiro trimestre
2019/11/14 » Caixa e BB iniciam quinta fase de pagamento de abono do PIS/Pasep
2019/11/14 » Reformas vão tornar Brasil mais atrativo a negócios, diz Bolsonaro
2019/11/14 » Reformas vão tornar Brasil mais atrativo a negócios, diz Bolsonaro
2019/11/13 » Privatização da Eletrobras deve reduzir tarifas para os consumidores
2019/11/13 » Caixa reduz para 4,99% a taxa de juros do cheque especial
2019/11/13 » Ministro diz que reforma da Previdência já atrai investidores
2019/11/12 » Setor de serviços cresce 1,2% em setembro, aponta IBGE
2019/11/12 » Cresce apoio do BNDES a projetos de micro, pequenas e médias empresas
2019/11/12 » Países do Brics buscam investimentos privados para infraestrutura
2019/11/12 » Faturamento do mercado de seguros cresceu 18,6% em setembro
2019/11/11 » Brics fomenta cooperação entre economias emergentes há 13 anos
2019/11/11 » Impostos dificultam pequenos e médios negócios, dizem empresários
2019/11/11 » IBGE revisa PIB de 2017 de 1% para 1,3%
2019/11/08 » Indicador da FGV mostra dificuldade de reação do mercado de trabalho
2019/11/08 » Petrobras recebe oferta de R$ 3,7 bilhões por Liquigás Distribuidora
2019/11/08 » Governo aumenta projeção de crescimento do PIB para 0,90%
2019/11/07 » Inflação de outubro é a menor para o mês desde 1998
2019/11/07 » Índice que serve de base para reajuste salarial tem variação de 2,76%
2019/11/07 » Seis em cada 10 empresários querem investir, mostra pesquisa do Sebrae

Ver mais »