Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Para ANP, marco regulatório só sai após estabilização internacional do preço do barril 13/05/2009

 

Brasília,13/05/2009 - A proposta do governo para o marco regulatório da exploração do pré-sal só será apresentada após a estabilização do preço internacional do barril de petróleo. Esta foi a orientação dada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva aos integrantes do conselho que está preparando a sugestão, segundo o diretor-geral da Agência Nacional de Petróleo (ANP), Haroldo Lima.

“Com o surgimento da crise, a proposta que está sendo elaborada acabou atrasando porque, com as incertezas criadas e com o preço do petróleo despencando assustadoramente, achamos melhor esperar a definição do cenário internacional para retomarmos as reuniões conclusivas com o presidente Lula”, disse o dirigente da ANP.

Segundo Lima, falta também identificar o preço que torna viável a exploração em larga escala do pré-sal. “A idéia, que circula em nossos estudos, é a de que a exploração se torna viável com o preço do barril acima dos US$ 35”, explicou Lima, após participar de uma audiência pública na Câmara dos Deputados.

Apesar de o preço do barril estar acima dos US$ 50, ainda não há, segundo ele, condições de definir o marco regulatório. “É preciso que esse preço esteja mais estabilizado, e isso só deve ocorrer a partir do segundo semestre”, avaliou. “Só então o presidente Lula deverá nos convocar para que apresentemos nossos estudos”, completou.

A conclusão da proposta só virá após as reuniões finais com o presidente da República para, então, ser enviada ao Congresso Nacional, uma vez que remete à Lei do Petróleo. Segundo o diretor-geral da ANP, Lula tem manifestado interesse em apressar o tratamento da questão, mas com a devida cautela. (Agência Brasil - Pedro Peduzzi)



Últimas

2020/04/03 » Governo zera impostos de produtos usados no combate ao coronavírus
2020/04/03 » Novo coronavírus traz novos desafios para cuidadores de idosos
2020/04/02 » Auxílio emergencial é publicado e governo abre crédito de R$ 98 bi
2020/04/02 » Medidas contra coronavírus custarão R$ 224,6 bi para o governo
2020/04/02 » Cientistas chineses anunciam descoberta contra covid-19
2020/04/02 » Covid-19: governo aprova medidas para área da assistência social
2020/04/02 » Senado aprova extensão de auxílio de R$ 600 a mais de 30 categorias
2020/04/02 » Bolsonaro sanciona MP da renda básica emergencial
2020/04/02 » Empresas têm 30 dias para se cadastrar na plataforma consumidor.gov.br
2020/04/02 » Governo prorroga prazo de entrega da declaração do IR por dois meses
2020/04/01 » Governo anuncia R$ 200 bilhões para socorrer trabalhadores e empresas
2020/04/01 » Governo reduz pela metade contribuições pagas ao Sistema S por 3 meses
2020/04/01 » Coronavírus: Câmara e Senado alteram tramitação de MPs
2020/03/31 » Líderes do Senado divulgam manifesto pelo isolamento social
2020/03/31 » Senado aprova benefício de R$ 600 a autônomos e informais
2020/03/31 » Senado aprova distribuição de merenda escolar aos estudantes sem aulas
2020/03/30 » Senado vota hoje auxílio de R$ 600 para autônomos e informais
2020/03/30 » Coronavírus: BNDES anuncia R$ 2 bilhões de crédito para área da saúde
2020/03/30 » Governo obtém do STF aval para adotar medidas contra o coronavírus
2020/03/27 » Governo anuncia linha de crédito a pequenas e médias empresas

Ver mais »