Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Mercado interno ganha importância em cenário de crise 30/03/2009

 

Brasília, 30/03/2009 - A demanda doméstica por produtos e serviços continuará sendo o fator chave para a sustentação da atividade econômica. A avaliação consta do Relatório Trimestral de Inflação, divulgado hoje (30) pelo Banco Central.

De acordo com o relatório, “em momento no qual a retração da atividade econômica global continua surpreendendo pela intensidade e amplitude”, a resistência “da demanda doméstica configura elemento de estabilização da economia brasileira ao longo dos próximos trimestres”.

Entretanto, o efeito desaceleração global sobre a inflação “vem sendo, até o momento, predominantemente benigno”. “Esse quadro resulta dos efeitos da crise internacional sobre a demanda doméstica, que de certa forma têm prevalecido sobre o impacto da depreciação cambial”.

No relatório, o BC lembra que a crise financeira internacional está afetando o nível de atividade da economia brasileira não somente pela redução da demanda por produtos exportados, mas também com redução das fontes de financiamentos e “pela formação de um quadro geral de incerteza que tem levado os agentes a adiarem decisões importantes de consumo e de investimento”.

Segundo o relatório, “o principal elemento de incerteza e fator de risco do lado externo refere-se à duração da crise mundial”. Nesse sentido, o BC considera dois cenários. “No primeiro, caso a crise persista por mais tempo, estendendo-se por 2010, as repercussões e efeitos contracionistas sobre a economia doméstica perdurariam por todo o horizonte de projeção”.

No segundo cenário, caso a retomada ocorra de forma mais rápida,, “a restauração das condições financeiras e da confiança, alinhada à certa recuperação dos preços de commodities [produtos primários], implicaria aumento do risco inflacionário”. “Ainda que não se possa descartar, com as informações até aqui disponíveis, o segundo cenário alternativo, o primeiro parece no momento ser mais provável”. (Agênia Brasil - Kelly Oliveira)



Últimas

2021/01/22 » Emprego cresce na indústria em um movimento atípico para dezembro
2021/01/22 » Monitor do PIB aponta alta de 1,1% na atividade econômica em novembro
2021/01/22 » Pesquisa da Conab indica queda na produção nacional de café em 2021
2021/01/21 » Entidades consideram acertada manutenção da Selic em 2% ao ano
2021/01/21 » Copom mantém juros básicos da economia em 2% ao ano
2021/01/21 » Governo federal lança sistema para simplificar a abertura de empresas
2021/01/20 » ANP regulamenta indicação de áreas para exploração de petróleo e gás
2021/01/20 » Bancos Inter, Itaú e Caixa lideram ranking de reclamações ao BC
2021/01/20 » Confiança do empresário do comércio cai 2,2% em janeiro, diz CNC
2021/01/19 » CNI: faturamento da indústria cai pela primeira vez em sete meses
2021/01/19 » Produção de aço caiu 4,9% em 2020, informa o Instituto Aço Brasil
2021/01/19 » Atividade econômica tem alta de 0,59% em novembro, diz Banco Central
2021/01/19 » Atividade industrial desacelera em novembro de 2020
2021/01/18 » Saiba o que é a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO)
2021/01/18 » China contribuiu com mais da metade do superávit comercial do Brasil
2021/01/18 » Produção agropecuária de 2020 alcança R$ 871 bilhões
2021/01/15 » MPT abre inquéritos para avaliar danos sociais do fechamento da Ford
2021/01/15 » BNDES financia segunda usina termelétrica no Porto do Açu
2021/01/15 » IBGE: indústria cresce em dez dos 15 locais pesquisados em novembro
2021/01/14 » Balança comercial do agronegócio soma US$ 100,81 bilhões em 2020

Ver mais »