Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Lula chora com vitória do Rio para sediar Olimpíadas de 2016 02/10/2009

Copenhague - Depois de assinar o contrato com o Comitê Olímpico Internacional (COI) para que o Rio seja a sede das Olimpíadas de 2016, o presidente Luiz Inácio  Lula da Silva chorou na entrevista coletiva que concedeu à imprensa mundial.

“Eu, que pensava que não tinha mais motivo para ter tanta emoção, já fiz tanta coisa na vida, participei de tanta coisa, de tantos eventos, de repente, eu era o mais emocionado e chorão de todos os que estavam ali”, comentou.

“Eu sempre achei que tinha uma coisa que faltava para o Brasil”, disse Lula. E continuou: “Nós somos um país que fomos colonizados. E pelo fato disso, nós tínhamos manias de sermos pequenos, de não ser importantes, achávamos que os outros podiam e a gente não”.

Sobre a derrota de Chicago, que era uma das favoritas, mas foi a primeira a ser eliminada, Lula contou que brincou com o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, dizendo: “se você não for, eu vou ganhar. Ele veio e quis Deus que nós ganhássemos mesmo com a vinda dele aqui”.

Lula mandou um recado para os presidentes dos países que perderam para o Rio: “eu queria dizer ao companheiro Obama, Zapatero [José Luis Zapatero, presidente da Espanha], Hatoyama [Yukio Hatoyama, primeiro-ministro do Japão], me desculpem, eu estava feliz e vocês, tristes. Mas vocês já foram felizes muitas vezes e a gente triste muitas vezes, mas nós temos o direito de estarmos felizes”.

Perguntado como seria recebido no Rio depois dessa vitória e também depois de ser vaiado em 2007, durante os Jogos Pan-Americanos, o governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, tomou a palavra e afirmou que “quem organizou a vaia, levou o troco em 2008 com a eleição do Eduardo Paes [prefeito do Rio]”.

Lula afirmou que o Brasil ganhou definitivamente a cidadania internacional para provar que não é um país de segunda classe, mas sim, de primeira e que não há ninguém melhor ou pior do que os brasileiros.

Descontraído, depois da vitória, o presidente disse que, “depois de 2016, nós vamos começar a brigar pelas Olimpíadas de Inverno, não se assustem”. (Agência Brasil - Carina Dourado)



Últimas

2021/01/27 » Pandemia e fim dos auxílios podem reverter retomada econômica
2021/01/27 » Confiança na construção civil recua depois de seis altas, diz FGV
2021/01/27 » Confiança do consumidor cai pelo quarto mês consecutivo
2021/01/27 » Custo da construção sobe 0,93% em janeiro, anuncia a FGV
2021/01/26 » Micro e pequenas empresas têm até sexta-feira para aderir ao Simples
2021/01/26 » Queda na arrecadação foi “resultado excelente”, diz Guedes
2021/01/26 » Confaz divulga nova tabela de preços médios de combustíveis
2021/01/25 » Pendências com o Simples atingem quase dois terços das empresas
2021/01/25 » Cepal: exportações da América Latina e do Caribe caíram 13% em 2020
2021/01/25 » Brasileiros acreditam que inflação será de 5,2% nos próximos 12 meses
2021/01/25 » Como contribuir para o INSS por conta própria
2021/01/25 » Como contribuir para o INSS por conta própria
2021/01/22 » Emprego cresce na indústria em um movimento atípico para dezembro
2021/01/22 » Monitor do PIB aponta alta de 1,1% na atividade econômica em novembro
2021/01/22 » Pesquisa da Conab indica queda na produção nacional de café em 2021
2021/01/21 » Entidades consideram acertada manutenção da Selic em 2% ao ano
2021/01/21 » Copom mantém juros básicos da economia em 2% ao ano
2021/01/21 » Governo federal lança sistema para simplificar a abertura de empresas
2021/01/20 » ANP regulamenta indicação de áreas para exploração de petróleo e gás
2021/01/20 » Bancos Inter, Itaú e Caixa lideram ranking de reclamações ao BC

Ver mais »