Câmara do Japão
Japonês
Buscar: OK

Tópicos

 

 

 

 

 

 

(426)Você está em:
  • Home »
    • Câmara
      • » Notícias

Notícias

Selecione datas para filtrar: a OK
Receita usa notebooks para fiscalizar comércio irregular em São Paulo 17/12/2009

São Paulo - A Receita Federal em São Paulo informou que os agentes que fiscalizam, desde ontem (16), o comércio irregular na região central da capital utilizam notebooks com acesso à internet para que, durante a visita ao estabelecimento sejam consultados os dados cadastrais e a veracidade dos documentos fiscais.

“Todas as mercadorias sem cobertura de documentos fiscais, amparadas em notas fiscais frias, ou cuja entrada regular no país não fique comprovada, serão apreendidas. Também podem ser alvo de apreensão computadores e outros documentos de interesse fiscal”, informou a Receita.

As abordagens estão sendo feitas na região da Rua 25 de Março, área onde se concentram lojas voltadas ao comércio popular e onde existe uma galeria especializada em artigos eletrônicos. Ainda não há um balanço do material apreendido, mas segundo a Receita, a maior parte das apreensões de hoje é de CDs de jogos eletrônicos.

Atuam na Operação Descaminho 60 auditores fiscais e agentes à paisana que verificam os pontos de venda de eletroeletrônicos e artigos de informática. Os locais escolhidos são aqueles onde se desconfia da existência de aparelhos sem nota fiscal ou de descaminho. O objetivo da Receita é manter a frequência dessas fiscalizações, selecionando menor número de alvos onde se desconfia da irregularidade da mercadoria.

Durante todo o dia de ontem, a Operação Descaminho fiscalizou 10 lojas na Rua Santa Ifigênia, onde apreendeu notebooks, placas-mãe, placas de vídeo, discos rígidos externos e outros suprimentos de informática. Ao todo, os fiscais recolheram 34 caixas de 40 quilos, totalizando cerca de R$ 500 mil. De acordo com a Receita, grande parte dos notebooks eram remanufaturados, ou seja, compostos de partes usadas, sem garantia ou com a vida útil comprometida, montados sobre carcaças que dão a ideia de aparelhos novos. (Agência Brasil - Flávia Albiquerque)



Últimas

2020/11/27 » Volta de cobrança do IOF sobre crédito renderá cerca de R$ 2 bi
2020/11/27 » Indústrias do Mercosul e da UE pedem urgência para acordo comercial
2020/11/27 » Indústria paulista mantém expansão no ano apesar de queda em outubro
2020/11/26 » Expectativa de vida no Brasil sobe para 76,6 anos em 2019
2020/11/26 » Campos Neto: Pix vai gerar inclusão e reduzir custos para população
2020/11/26 » Vendas de máquinas e equipamentos têm alta de 16% em outubro
2020/11/25 » Anatel prevê leilão do 5G no final do primeiro semestre de 2021
2020/11/25 » Mercado de capitais analisa critérios socioambientais de empresas
2020/11/25 » Pix tem quase 4,4 milhões de portabilidade de chaves
2020/11/24 » Maioria dos reajustes até outubro teve ganhos reais, diz Dieese
2020/11/24 » Mercado aumenta previsão de inflação e prevê queda menor do PIB
2020/11/24 » Guedes anuncia que vai para o "ataque" com privatizações e reformas
2020/11/23 » Mais de 60% dos internautas no país usam serviços públicos digitais
2020/11/23 » Guia de financiamento ajuda empresas interessadas em sustentabilidade
2020/11/23 » Em reunião do G20, Guedes diz que recuperação do Brasil surpreende
2020/11/20 » Economia cresceu 7,5% do segundo para o terceiro trimestre, diz FGV
2020/11/20 » Produção e empregos estão em alta na indústria, diz CNI
2020/11/20 » Confiança do empresário do comércio sobe 4,1% em novembro, diz CNC
2020/11/18 » Aumento de exportações industriais traria R$ 376 bi para economia
2020/11/18 » Quase dois terços das indústrias esperam faturar mais em 2021

Ver mais »